A340-600 ConViasa Venezuela
Foto: ConVIasa/Twitter

A companhia estatal venezuelana ConViasa recebeu no dia 15 de março, o seu primeiro Airbus A340-600 de matrícula YV3533. O quadrijato de 20 anos possui a capacidade de transportar até 311 passageiros divididos na classe executiva e econômica

Curiosamente, este A340-600 foi o protótipo de número #3 da Airbus, repassado em seguida para a britânica Virgin Atlantic Airways em outubro de 2003, operando posteriormente pela iraquiana Al-Naser Airlines e a iraniana Mahan Air, até chegar na venezuelana ConViasa. 

Sendo o maior quadrijato operado na América do Sul, a aeronave ainda conta com a configuração utilizada na Virgin Atlantic, chamando a atenção para algumas poltronas sem as telas individuais de entretenimento. Entretanto, as poltronas da classe executiva são um ponto favorável para as operações de longa distância. 

Confira os detalhes da primeira operação, com detalhes do seu interior: 

 

Com voos operados em um primeiro momento somente na América Latina, a ConViasa inaugurou as suas operações com o A340-600 em um voo entre Caracas e o aeroporto de Santa Lucía (NLU), nas proximidades da Cidade do México. O voo V03726 contou com a presença de autoridades e convidados especiais. 

Para o futuro, é bem provável que este quadrijato seja empregado para voos intercontinentais para a Rússia e o Irã, países que possuem fortes laços com a Venezuela ao ponto de manter voos regulares de passageiros e cargas. 

Além do A340-600, a estatal ConViasa opera também o A340-200 e -300, bem como o Embraer 190 E1 e o ATR 72/42 para os destinos regionais, incluindo um Airbus A319 e um Boeing 737-200 voltados para o transporte presidencial.