Aeroporto de Brasília Aeroportos
Foto: Inframerica/Felipe Menezes

O ano de 2021 foi desafiante para a aviação mundial e no Brasil não poderia ser diferente. A recuperação de mercado dos aeroportos e das companhias aéreas seguiu diferente do esperado devido à Covid-19, além do impacto da 2ª onda do vírus. O funcionamento do mercado foi alterado com o home office e novos desejos dos passageiros.

O Brasil contabilizou mais de 62,5 milhões de pessoas voando pelo país em 2021. O número representa um crescimento de 20,4% na comparação com o ano anterior, quando 51,9 milhões de passageiros haviam trafegado pelos aeroportos do país.

Contudo, a quantidade ainda é considerada muito abaixo de 2019, quando a aviação brasileira quase beliscou os 119 milhões de passageiros transportados.

E toda essa alteração no mercado, com redução drástica nas viagens corporativas, também afetou o desempenho de diversos aeroportos pelo país. E nós vamos conferir abaixo um ranking com os 10 mais movimentados de 2021.

Todos os dados abaixo são retirados da ANAC, e referentes aos 12 meses e 365 dias de 2021, contemplando um resultado anual.

 

1 – Aeroporto de Guarulhos (SP)

Aeroporto de Guarulhos ANAC
Foto: Juvenal Pereira/Via Governo Federal

O Aeroporto de Guarulhos ocupa há anos o topo da tabela. Concentrando voos internacionais de São Paulo e uma ampla malha aérea doméstica das companhias aéreas, o terminal ficou na primeira posição ao atender 23,6 milhões de passageiros pagantes em 2021.

Foram quase 179 mil pousos e decolagens de aviões de todos os tipos nas duas pistas do Aeroporto de Guarulhos em 2021.

Na parte doméstica o terminal movimentou 20,05 milhões de pessoas e 3,5 milhões de passageiros na parte internacional. As restrições para entrada em diversos países fizeram o tráfego aéreo internacional ter uma grande queda em 2020 e 2021.

Em 2019 o Aeroporto de Guarulhos transportou 42,25 milhões de passageiros.

 

2 – Aeroporto de Brasília (DF)

Aeroporto de Brasília LATAM
Foto – Aeroporto de Brasília/Inframerica

Assim como Guarulhos, o Aeroporto de Brasília é considerado o coração da GOL e LATAM em termos de conectividade de voos. As companhias procuraram otimizar o máximo as malhas de voos ao longo de 2021, e por este motivo o terminal saltou uma posição, ficando em 2º lugar no ano passado.

Cerca de 10,3 milhões de passageiros passaram pelos dois píers e pela parte central do Aeroporto de Brasília em 2021, sendo que desses 90,3 mil embarcaram em voos internacionais.

Foram quase 80,3 mil pousos e decolagens de aviões de todos os tipos nas duas pistas do Aeroporto de Brasília em 2021.

Em 2019 o Aeroporto de Brasília transportou 16,6 milhões de passageiros.

 

3 – Aeroporto de Campinas (SP)

Aeroporto de Viracopos
Foto – Aeroporto de Viracopos/Divulgação

Principal local de operações da Azul Linhas Aéreas, o famoso Aeroporto de Viracopos (Campinas) teve um bom desempenho em 2021, acompanhando também o crescimento da companhia de David Neeleman.

Subindo pra 3ª colocação, o terminal movimentou 9,75 milhões de passageiros ao longo de 2021. Foram quase 102 mil pousos e decolagens de aviões de todos os tipos, ficando à frente do Aeroporto de Brasília nesse quesito.

Os voos internacionais da Azul transportaram 190,5 mil passageiros a partir de Viracopos no último ano.

Em 2019 o Aeroporto de Viracopos transportou 10,15 milhões de passageiros. De todos os terminais foi o que registrou menor queda entre 2019 e 2021.

 

4 – Aeroporto de Congonhas (SP)

GOL Aeroporto de Congonhas
Foto: Gisele Orquídea/Aeroflap

O Aeroporto de Congonhas fica localizado nas proximidades do centro de São Paulo, e pela sua localização tem um grande apelo corporativo, seja para a aviação executiva ou comercial. Regulado por slots, as companhias aéreas tentam manter ao máximo a sua oferta de voos no local, nos moldes das regras da ANAC.

E mesmo sofrendo o impacto da queda na demanda por viagens corporativas, além da aviação nacional em geral, Congonhas movimentou 9,43 milhões de passageiros ao longo de 2021.

Foram quase 74,8 mil pousos e decolagens de aviões de todos os tipos, ficando à frente do Aeroporto de Brasília nesse quesito.

Em 2019 o Aeroporto de Congonhas transportou 22,2 milhões de passageiros. Junto com o Galeão, foi a maior queda neste TOP 10 entre os terminais no pós pandemia.

 

5 – Aeroporto de Recife (PE)

Imagem: Falando de Viagem.

O impulso no mercado turístico deu resultados ao longo de 2021, com Recife saltando algumas posições para ficar na 6ª, com um total de 7,34 milhões de passageiros transportados em 2021. Cerca de 56 mil passageiros embarcaram em voos internacionais.

Foram quase 65 mil pousos e decolagens de aviões no aeroporto recifense em 2021. Em 2019 o Aeroporto de Recife transportou 8,57 milhões de passageiros.

 

6 – Aeroporto Santos Dumont (RJ)

Crédito Divulgação Infraero

O belíssimo terminal carioca confirmou a preferência dos seus passageiros e, mesmo em um ano de pandemia com operações na ponte aérea RJ-SP reduzidas, conseguiu fechar o ano com 6,67 milhões de passageiros transportados.

Assim como Congonhas, o Aeroporto Santos Dumont não está habilitado para voos comerciais internacionais. Por este motivo temos dados de movimentação somente do mercado doméstico.

Foram quase 59 mil pousos e decolagens de aviões no Aeroporto Santos Dumont em 2021. Em 2019 o terminal recebeu 8,93 milhões de passageiros.

 

7 – Aeroporto de Confins (MG)

Aeroporto de Confins BH Airport
Foto – BH Airport/Divulgação

O Aeroporto de Confins conseguiu ficar colado com o Santos Dumont no número de passageiros transportados, registrando 6,65 milhões de pessoas que passaram pelos seus corredores no último ano. Dessas cerca de 77 mil viajaram em voos internacionais.

Foram quase 64 mil pousos e decolagens de aviões no Aeroporto de Confins em 2021. Em 2019 o terminal recebeu 10,7 milhões de passageiros.

O Aeroporto de Confins é conhecido também por ser um dos principais hubs da Azul, e apoiando as suas operações regionais no centro-sul no país.

 

8 – Aeroporto de Salvador (BA)

Aeroporto de Salvador
Foto – Will Recarey/Aeroporto de Salvador

Também beneficiado pelo turismo, e pelas inúmeras conexões para cidades do nordeste a partir do terminal, o Aeroporto de Salvador finalizou 2021 com um montante de 5,3 milhões de passageiros atendidos.

Os voos internacionais, como os da TAP, movimentaram 46,5 mil passageiros em Salvador no último ano.

Foram quase 44,7 mil pousos e decolagens de aviões no Aeroporto de Salvador em 2021. Em 2019 o terminal recebeu 7,3 milhões de passageiros.

 

9 – Aeroporto de Porto Alegre (RS)

Porto Alegre é o único aeroporto da região Sul do Brasil neste TOP 10 que apresentamos por aqui. O terminal transportou cerca de 4,67 milhões de passageiros em 2021, sendo que 48 mil viajaram em voos internacionais.

Foram quase 39 mil pousos e decolagens de aviões no Aeroporto de Porto Alegre em 2021. Em 2019 o terminal recebeu 8 milhões de passageiros.

 

10 – Aeroporto de Fortaleza (CE)

Assim como Recife e Salvador, o Aeroporto de Fortaleza combinou em 2021 os seus potenciais turísticos com o hub da GOL para estar entre os 10 mais movimentados do país.

Cerca de 3,89 milhões de passageiros passaram pelo Fortaleza Airport em 2021, sendo 67 mil em voos internacionais.

Quase 28,21 mil pousos e decolagens de aviões no Aeroporto de Fortaleza em 2021. Em 2019 o terminal recebeu aproximadamente 7 milhões de passageiros.

 

Nota do editor: O Aeroporto do Galeão ficou em 5º lugar em 2019, ao movimentar 13,6 milhões de passageiros. Com a grande queda na demanda por voos internacionais, e um pouco menor para voos nacionais, o terminal fechou 2021 com 3,2 milhões de passageiros transportados.

Na comparação com 2019 essa foi a maior queda de tráfego, comparando os aeroportos de grande tamanho do país.