Conselho da Lufthansa espera obter resgate do governo em breve

Boeing 747-400. Foto - Ingrid Friedl/Lufthansa 060124_747VX_01

(Reuters) – A Lufthansa espera que suas negociações para obter um pacote de resgate do governo sejam concluídas em breve, disse o conselho da companhia aérea aos funcionários em uma carta vista pela Reuters, acrescentando que também está considerando alternativas como proteção contra credores.

As proibições de viagens forçaram o grupo alemão a manter 700 aeronaves em solo, levando a uma queda de 99% no número de passageiros e fazendo que o grupo, que inclui empresas como Swiss e Austrian Airlines, perca cerca de um milhão de euros (1,1 milhão de dólares) em reservas de liquidez por hora.

“Esperamos que estas conversas cheguem ao fim em breve”, escreveram o presidente executivo Carsten Spohr e membros do conselho na carta, acrescentando que eles também estão considerando alternativas, mas esperam não precisar delas.
 

“No entanto, continuamos convencidos de que não teremos que recorrer a alternativas, dadas as conversas com Berlim.”

A Lufthansa está negociando um pacote de resgate de 10 bilhões de euros que faria com que o governo adquirisse uma fatia de 25,1% na empresa, informou o periódico semanal Der Spiegel nesta sexta-feira.

 

DEIXE UMA RESPOSTA