Dassault pretende reiniciar de forma gradual a produção de aeronaves em suas instalações na França

Dassault Rafale- Foto: Dassault

A Dassault espera reiniciar gradualmente a produção em suas instalações francesas nos próximos dias, após um acordo com os sindicatos da força de trabalho.

A montagem final dos aviões de combate Rafale e dos jatos executivos Falcon está suspensa desde 18 de março, com a fabricação de peças interrompida da mesma forma quatro dias depois, à luz da pandemia de coronavírus.

Em um memorando para a força de trabalho, o executivo-chefe da Dassault, Eric Trappier, diz que uma reunião com representantes dos funcionários ocorreu em 26 de março, onde a empresa apresentou as medidas de segurança que estão sendo implementadas em suas instalações para permitir que os trabalhadores retornem.

Dassault Rafale/ Foto- Dassault Aviation

“Trocas construtivas ocorreram com os parceiros sociais, ilustrando que estávamos enfrentando juntos uma crise sem precedentes”, diz Trappier.

A “grande maioria” dos sindicatos era “a favor da retomada da atividade de acordo com o cenário delineado”, diz ele.

Os detalhes do plano de recuperação serão apresentados pelos representantes locais em cada fábrica nos dias 31 de março e 1º de abril, com a intenção de “receber as equipes a partir de sexta-feira, dia 3 de abril”.

A implementação das medidas de segurança “deve nos permitir retomar gradualmente nossas atividades prioritárias” de uma maneira “segura” em todos os locais, mas com “um número limitado de funcionários”, diz Trappier.


No entanto, ele adverte que a crise será “longa, muito além do pico de contaminação, e seu impacto econômico provavelmente será particularmente grave”.

Foto – Dassault

Para lidar com a desaceleração econômica prevista, a Dassault está tentando acordar um pacote de medidas com seus sindicatos, que podem incluir trabalho em curto período de tempo ou férias.

“Teremos que nos armar com paciência, coragem e senso de responsabilidade para superar essa provação excepcionalmente séria”, acrescenta Trappier.

A instalação de montagem final da Dassault para aeronaves civis e militares fica em Merignac, perto de Bordeaux, embora tenha mais sete locais em toda a França.

Fonte Flight Global

DEIXE UMA RESPOSTA