Delta Airlines Covid-19 Vacina

Através de suas redes sociais, a Delta, companhia aérea norte-americana anunciou mudanças nos seus critérios para a contratar novos pilotos. A principal mudança está na escolaridade dos candidatos. 

Em uma página do Facebook de pilotos da Delta, a companhia anunciava que não vai mais exigir o diploma universitário como critério para seleção. A empresa não citou o motivo principal da mudança, mas disse que a exigência era discriminatória e que o diploma se tornou um diferencial e não uma exigência.

Importante ressaltar, que as companhias aéreas dos EUA estão enfrentando a falta de tripulantes de voo.

“Embora nos sintamos mais fortes do que nunca sobre a importância da educação, existem candidatos altamente qualificados – pessoas que gostaríamos de receber em nossa família Delta – que ganharam mais do que o equivalente a uma educação universitária ao longo de anos de vida e experiência em liderança.” Disse a empresa em postagem no Facebook.

“Tornar o requisito de graduação de quatro anos preferido remove as barreiras não intencionais aos nossos decks de voo da Delta. Estamos empolgados com nosso futuro na Delta e orgulhosos das muitas coisas que estamos fazendo para tornar o sonho de se tornar um piloto da Delta uma realidade para pessoas talentosas, trabalhadoras e comprometidas que amam esse setor.” 

DEIXE UMA RESPOSTA