Foto - Munich Airport

A demanda global por viagens aéreas domésticas e internacionais cresceu 5,3% em fevereiro, em relação ao mesmo mês do ano passado.

Segundo a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA, na sigla em inglês), esse foi o ritmo de crescimento mensal mais lento em mais de um ano, mas em linha com as tendências de demanda de longo prazo.

A oferta, por sua vez, teve aumento de 5,4% na mesma comparação. Com isso, o aproveitamento das aeronaves recuou 0,1 ponto percentual, para 80,6%.

“Após a forte performance de janeiro, vemos uma certa acomodação em fevereiro, em linha com as preocupações sobre as perspectivas econômicas. A continuidade das tensões comerciais entre os EUA e a China e a incerteza não resolvida sobre o Brexit também estão pesando sobre as perspectivas para viagens”, afirmou o diretor geral e CEO da IATA, Alexandre de Juniac.

No primeiro bimestre, o transporte aéreo de passageiros acumula crescimento de 5,9%, diante de igual período do ano passado, mesmo resultado registrado pela oferta, na comparação anual. Assim, o aproveitamento dos aviões ficou estável em 80,1%.

 

Via – ABEAR