Delta

Delta divulga as metas e perspectivas financeiras para os próximos três anos e detalhou a abordagem centrada no cliente durante o Capital Markets Day.

Na última quinta-feira, 16 de dezembro de 2021, a Delta Air Lines apresentou seu plano para liderar o setor de viagens aéreas na próxima fase de recuperação, impulsionada por um foco intenso nos clientes, a força e confiabilidade de sua marca e sua cultura de serviço baseada em valores e centrada nas pessoas.

Durante o evento Capital Markets Day (Dia do Mercado de Capitais, em tradução livre), realizado na Bolsa de Valores da cidade de Nova York, a companhia anunciou suas prioridades estratégicas para a comunidade de investidores.

“É claro que a pandemia testou o pessoal da Delta de maneiras sem precedentes, e nossas vantagens competitivas não apenas se mantiveram, mas foram fortalecidas durante a crise”, disse o CEO da Delta, Ed Bastian.

“A Delta está superando o desempenho do segmento e nosso caminho para liderar a próxima fase da recuperação está tomando forma graças ao trabalho incrível de nossos 75 mil funcionários em todo o mundo”.

Durante o evento, a liderança sênior debateu sobre como a Delta está expandindo sua plataforma para criar valor a longo prazo. Os destaques do dia incluíram:

  • Vantagens competitivas: a atuação da Delta durante a pandemia fortaleceu ainda mais suas vantagens competitivas e aprimorou a posição da companhia como uma marca de consumo confiável.
  • Liderança do setor: a Delta está liderando o setor operacional e financeiramente, demonstrando agilidade, excelência operacional e disciplina.
  • Preferência de marca: a Delta continua a elevar a experiência do cliente por meio de seu serviço de alto nível e investindo em toda a faixa de opções de viagens, aumentando a preferência e a fidelidade à marca.
  • Poder de ganhos: a Delta espera entregar lucratividade significativa em 2022 em seu caminho para aumentar o poder de ganhos além dos níveis pré-pandêmicos até 2024.
  • Base financeira: a prioridade máxima da Delta é restaurar sua base financeira, com foco na eficiência e geração de caixa para alcançar métricas de grau de investimento até 2024.

“À medida em que nossa lucratividade melhora, estamos focados em reduzir a dívida e investir estrategicamente para construir nossa posição de liderança”, disse o CFO (Chief Financial Officer, ou diretor executivo Financeiro, em português) da Delta, Dan Janki.

“Temos uma estratégia atraente, a qual acreditamos que nos permitirá superar o desempenho financeiro de 2019, entregar margens líderes do setor e gerar caixa significativo para impulsionar o balanço patrimonial nos próximos três anos”.

As metas financeiras da Delta discutidas em mais detalhes no evento incluem o seguinte:

Métricas e expectativas adicionais:

  • Margem operacional de 2024 na casa dos “mid-teens”
  • Fluxo de caixa operacional em 2024 > 9 bilhões de dólares
  • Dívida ajustada / EBITDAR em 2024 entre 2x e 3x
  • Terminando 2024 com liquidez entre 5 e 6 bilhões de dólares
  • ROIC em 2024 na casa dos “mid-teens”

“Ao olharmos para o futuro, nossas prioridades são fortalecer a confiabilidade de nossa marca, restaurando nosso desempenho financeiro e construindo um futuro melhor para nosso pessoal e nosso planeta”, disse Bastian. “Nossa ambição é transcender a indústria e criar um valor significativo de longo prazo para nossos funcionários e investidores. À medida em que reconectar o mundo se torna mais importante do que nunca, estamos acelerando nosso caminho para remodelar e redefinir as viagens aéreas”.

 

A Delta também divulgou uma atualização para os investidores, com uma orientação financeira do quarto trimestre. A companhia agora espera gerar um lucro ajustado antes dos impostos de US$ 200 milhões no trimestre que se encerrará em dezembro.

Além de Ed Bastian e Dan Janki, o Capital Markets Day incluiu apresentações do presidente da Delta, Glen Hauenstein, e do presidente Internacional da companhia aérea, Alain Bellemare. Também houve uma sessão de perguntas e respostas com Bastian e o presidente e CEO da American Express, Stephen J. Squeri, na qual eles debateram sobre o valor crescente da parceria entre as duas empresas neste momento de recuperação e posteriormente.

 

 

Via: Delta Airlines

DEIXE UMA RESPOSTA