Entre o dia 05 e 06 de abril, a Turkish Airlines transferiu mais de 100 aviões para o novo Aeroporto de Istambul, na Turquia, que foi inaugurado neste fim de semana.

Esses aviões representam quase um terço da frota da companhia aérea. Todo o procedimento de transição das operações para o novo terminal começou às 00h00 do dia 05 de abril e terminou às 21h00 do dia 06 de abril.

Cerca de 1800 pessoas trabalharam para transferir 47300 toneladas de equipamentos entre os aeroportos, durante as 12 horas de transição. Cerca de 5000 viagens de caminhões foram necessárias para realizar esses transporte.

Os voos da Turkish foram cancelados por cerca de 12 horas, o primeiro voo do novo terminal partiu às 14h00 deste último sábado (06/04). O voo TK2154 foi de Istambul para Ancara.

O antigo aeroporto movimentava cerca de 68 milhões de passageiros por ano, o novo é capaz de receber até 150 milhões de passageiros por ano, oferecendo espaço para o terminal se expandir e atingir a capacidade de até 200 milhões de passageiros por ano.

O novo aeroporto foi criado para substituir os Aeroportos de Istambul (Atatürk) e o Sabiha Gökçen, os dois localizados em Istambul e movimentando quase 100 milhões de passageiros por ano.

O custo total de construção do novo aeroporto foi de € 7 bilhões, ele é operado por uma concessão entre empresas privadas, a área foi cedida pelo governo.

O novo aeroporto recebeu o mesmo código IATA do anterior, IST, mas opera com o código LTFM, que o diferencia do outro terminal. O antigo terminal, agora com o código ISL, continuará operando voos de carga temporariamente.

 

O novo terminal

Pier do novo aeroporto, que tem boa parte do seu terminal focado em voos internacionais.