Em mês atípico, GOL e Azul lideram mercado doméstico de aviação no Brasil

GOL

É um consenso que abril foi um mês atípico para o transporte aéreo mundial. No Brasil, ao contrário de vários países, o transporte aéreo de passageiros foi mantido, com muita redução por parte das companhias nos voos e nas frequências.

E neste mês atípico, a Azul conseguiu pela primeira vez assumir o segundo lugar na quantidade de passageiros transportados, e a GOL foi líder no transporte doméstico, com a LATAM em terceiro lugar.

Em uma análise por RPK (Passageiros‐Quilômetros Pagos transportados), que mede a demanda por assentos, basicamente os assentos ocupados em relação aos voos, a GOL liderou com 188 milhões (de RPKs, não de assentos), e a Azul estava logo em seguida, com 182 milhões (de RPKs, não de assentos). Já a LATAM fecha a lista com 130 milhões.

Vale ressaltar também a diferença entre as taxas de ocupação. A GOL registrou 79,8%, a Azul 69,8% e a LATAM cerca de 49,9%.

A taxa de ocupação tem uma relação direta com o ASKs, ou seja, os Assentos por Quilômetros Oferecidos. Neste caso tivemos a LATAM liderando a oferta com 261 milhões (de ASKs, não assentos), seguido pela Azul com 260 milhões, e a GOL com 235 milhões.

Desta forma podemos analisar que, se a LATAM tivesse uma melhor taxa de ocupação no mês, poderia facilmente ser a líder no mercado doméstico de aviação, como chegou a ser nos meses anteriores, de normalidade no tráfego aéreo.

Todos os dados acima são analisados com base no tráfego aéreo doméstico, excluindo voos internacionais, visto que muitas companhias cancelaram seus voos regulares ao longo do último mês.


Veja a tabela de tráfego aéreo da Azul para Abril:

 

Veja a tabela de tráfego aéreo da GOL para Abril:

 

Veja a tabela de tráfego aéreo da LATAM para Abril:

 

DEIXE UMA RESPOSTA