A Emirates concluiu em abril a reconfiguração das suas aeronaves Boeing 777-200LR, com um novo interior.

No total a companhia investiu US$ 150 milhões para modernizar internamente as suas 10 aeronaves 777-200LR. Todo o serviço foi realizado nas instalações da Emirates Engineering, em Dubai. Cerca de 160 mil horas/homem foram gastas nesse projeto, que foi concluído 3 meses antes do previsto.

Vale ressaltar que cada 777-200LR ficou 35 dias parado, para retirar o interior antigo e substituir pelo novo.

No novo padrão a Emirates optou por uma configuração de duas classes, com a tradicional Business e a Economy.

A Classe Executiva recebeu assentos na configuração de fileira 2-2-2, onde quase todos dão acesso direto ao corredor. O assento reclina 180º e o passageiro pode dispor até mesmo de um frigobar para as suas bebidas, localizado na divisória com o outro assento.

Na Classe Econômica temos uma distribuição 3-4-3, com uma boa reclinação do assento para os passageiros e encosto de cabeça ajustável em couro.

Todos os assentos são equipados com um sistema de entretenimento de última geração da Emirates, com mais de 4000 filmes, canais e programas de música.


A configuração é de 38 assentos na Business Class e 264 na Economy, totalizando 302 assentos no total.

No Brasil, a Emirates utiliza o 777-200LR em voos para São Paulo, mas ela também usa esse avião para as suas conexões até Santiago, no Chile.

 

Veja mais na galeria abaixo: