Emirates quer cancelar pedidos restantes para o Airbus A380

Foto - Emirates/Divulgação

Logo após indícios que a Emirates pretende cancelar boa parte de suas encomendas para o Airbus A380, a Emirates solicitou o cancelamento de cinco de seus últimos oito pedidos para o avião de dois andares.

Apesar do desejo da Emirates, a Airbus está sendo contrária ao cancelamento, visto que as aeronaves já estão em produção. A fabricante está propondo um adiamento de entregas ou pagamentos, em vez de um cancelamento total.

Se os termos não forem cumpridos, pode haver penalidades de até 257 milhões de dirhams (US$ 70 milhões) por aeronave, por isso a negociação é importante.

A Emirates espera receber os últimos três aviões neste ano, mas não tem planos para receber mais aviões após 2020.

Atualmente a Emirates tem 115 aviões Airbus A380 na sua frota, e após alguns cancelamentos em 2019 (que foram convertidos em encomendas do A350XWB), a empresa esperava receber as últimas nove unidades do A380 em 2020 e 2021.

 

Via – Bloomberg

DEIXE UMA RESPOSTA