Pequim e Xangai, na China, agora só receberão voos da Emirates exclusivamente com o Airbus A380, a partir do dia 1º de julho, as aeronaves que operarão voos para essas duas cidades são configuradas com 519 assentos, divididos em três classes de passageiros. Atualmente a Emirates usa o Boeing 777-300ER em alguns voos para essas cidades. Os voos alterados são o EK308/EK309 (Pequim), e EK304/EK305 (Xangai).

“A mudança, a partir de 1º de julho de 2017, aumentará a capacidade para Pequim e Xangai”, disse a companhia em comunicado. 

Xangai foi o primeiro destino chinês da Emirates. E também foi a primeira companhia aérea que estabeleceu voos diretos entre o Oriente Médio e a China Continental, a Emirates lançou operações de cargueiras para Xangai em 2002, seguido por serviços de passageiros para a cidade em 2004, lançado em 2006 as rotas para Pequim, os voos com o A380 iniciaram em agosto 2010, quando a Emirates tornou-se a primeira companhia aérea internacional a voar este avião em rotas regulares para a China.

Hoje a Emirates opera 38 voos semanais para a China, assim a companhia permite conexões para mais de 150 cidades em mais de 80 países do mundo.