A Indonésia recuperou as duas caixas-preta do Boeing 737 MAX 8 da Lion Air que se acidentou na segunda-feira, vitimando 189 pessoas no total.

Localizado já na terça-feira, na manhã desta quinta (horário local) a equipe de busca conseguiu chegar no equipamento que emite um sinal, com finalidade de facilitar a localização do componente.

A leitura da caixa preta pode durar duas semanas ou vários meses, primeiro os investigadores vão avaliar a condição do componente, que estava enterrado a 35 metros de profundidade.

Os destroços também estão localizados no fundo do mar, perto da região onde a caixa-preta foi encontrada. De acordo com a equipe de buscas, os destroços estão divididos em vários pequenos pedaços, e espalhados por uma grande área, devido à correnteza do mar na região.

Veja mais sobre esse acidente Clicando Aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA