A Etihad Airways cancelou diversas encomendas nesta última quinta-feira (14/02), como forma de contornar sua crise financeira e padronizar a sua frota.

Desta forma a Etihad cancelou todas as suas encomendas para variantes menores dos jatos, e ficou somente com encomendas para cinco aviões Airbus A350-1000 e seis 777-9X.

Além disso a Etihad vai receber 26 aviões A321neo.

Anteriormente a companhia de Abu Dhabi tinha encomendado 26 aviões A321neo, 40 A350-900 e 22 A350-1000, além de oito aviões 777-8X e 17 do modelo 777-9X, fabricados pela Boeing.

Para os widebody a redução foi de 87 aviões para apenas 11 aviões, a companhia manteve o número de encomendas para o A321neo.

As alterações nas encomendas para o Boeing 787 não foram divulgadas, a companhia já recebeu 28 aviões desta família, mas encomendou originalmente 71 unidades deste jato.

O novo diretor-chefe da Etihad, Tony Douglas, disse no ano passado que a companhia aérea agora se concentrava em levar passageiros de e para Abu Dhabi, em vez de competir para ser uma grande companhia aérea intercontinental como a Emirates.

 

Via – Reuters