F-16V Artwork
Projeção artística do F-16V com loadout ar-ar. Imagem: Lockheed.

O Departamento de Estado dos EUA aprovou a venda de 16 caças F-16 Block 70 para a Força Aérea Real Jordaniana (RJAF). O negócio é avaliado em US$ 4.21 bilhões.

Segundo a Agência de Cooperação em Segurança e Defesa (DSCA), a possível venda ainda deve ser aprovada pelo Congresso. Além dos novos caças, 12 F-16C e quatro F-16D de dois assentos, o contrato cobre armamentos, suporte logístico e de engenharia, treinamento, peças sobressalentes e outros. 

“A venda proposta melhorará a capacidade da Jordânia de enfrentar ameaças atuais e futuras, garantindo a interoperabilidade contínua com as forças dos EUA e da coalizão. A Jordânia não terá dificuldade em absorver esse equipamento em suas forças armadas.”

F-16 A/B Jordânia
Caças F-16A/B da Força Aérea Jordaniana. Foto: Caycee Cook/USAF.

O Governo da Jordânia solicitou a compra de 21 motores General Electric F110-GE-129 (16 instalados e cinco sobressalentes), 21 radares de varredura eletrônica ativa (AESA) AN/APG-83, seis pods AN/AAQ-33 Sniper para guiagem de bombas, 200 bombas Mk.84 de 930 kg, 204 bombas Mk.82 de 230 kg, kits LJDAM e Paveway II, vários sistemas de navegação e comunicação, enlace de dados Link 16 e outros itens. 

Atualmente a RJAF conta com uma frota de 44 caças F-16A e 15 F-16B, adquiridos junto aos Estados Unidos, Bélgica e Holanda. A maior parte da frota foi atualizada para o padrão MLU (Mid Life Upgrade), tornando-se equivalente aos F-16C/D Block 50/52.

F-16V projeção
Imagem: Lockheed Martin.

O F-16V é a variante mais moderna do consagrado caça da General Dynamics, hoje produzido pela Lockheed Martin. A aeronave recebeu o radar AESA APG-83 SABR da Northrop, novos computadores de missão, displays de alta resolução, barramento de dados de alto volume e alta velocidade e demais upgrades.

Até o momento, o novo modelo já foi encomendado pela Bulgária, Bahrein, Taiwan e Eslováquia. Grécia, Marrocos e Taiwan também estão atualizando seus F-16 para o padrão Block 70, enquanto a Turquia tenta adquirir caças do mesmo modelo além de kits de modernização.