Eve Embraer Rio de Janeiro

A Eve empresa da Embraer S.A., publicou hoje o Conceito de Operações (CONOPS) para o mercado futuro de Mobilidade Aérea Urbana (UAM na sigla em inglês) no Rio de Janeiro.

O documento é pioneiro no Brasil, incluindo dados e análises que abrangem a visão, os pontos de atenção e as necessidades operacionais do eVTOL (do inglês, electric vertical take-off and landing), da jornada do usuário e de serviços e suporte.

O conceito foi desenvolvido por meio de uma cooperação inédita com onze parceiros estratégicos e entidades governamentais, incluindo a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), DECEA (Departamento de Controle do Espaço Aéreo), EDP Brasil, Helisul, Skyports, Flapper, RIOgaleão, Universal Aviation, ABAG (Associação Brasileira de Aviação Geral), além do Beacon, plataforma que conecta o ecossistema de serviços de manutenção aeronáutica, e da Atech, responsável pelo controle e gestão de tráfego aéreo (civil e militar), ambas empresas do Grupo Embraer.

“Todos os participantes deste grupo de trabalho desempenham papeis fundamentais na evolução da mobilidade aérea urbana. Portanto, este documento, concebido de forma colaborativa, traz um melhor entendimento das características e desafios desta modalidade de transporte e informações para que o ecossistema possa não só se adaptar, mas também se desenvolver com soluções que irão garantir uma expansão de forma segura e sustentável”, disse Luiz Mauad, Vice-presidente de Serviços e Operações de Frota da Eve.

A concepção deste CONOPS contou com estudos sobre os aspectos que impactam o ecossistema de Mobilidade Aérea Urbana, grupos de discussão envolvendo os principais pilares para seu desenvolvimento, além de um período de operações de voo realizadas em novembro de 2021, conectando a Barra da Tijuca com o Aeroporto Internacional Tom Jobim — RIOgaleão, simulando o ecossistema de UAM com a utilização de um helicóptero.

A comunidade também participou dessa simulação por meio da compra de passagens com preços acessíveis, em um dos seis voos diários realizados ao longo de 30 dias.

Os dados e informações extraídos desta simulação irão contribuir para a definição das características e necessidades para o desenvolvimento da mobilidade aérea urbana não só no Rio de Janeiro, mas também em outros lugares, criando plano de Mobilidade Aérea Urbana para qualquer cidade.

O CONOPS ficará disponível no site da Eve para acesso de toda a comunidade com o objetivo de apresentar a visão para um ecossistema de UAM, que permitirá uma nova forma de transporte acessível, segura e sustentável.

Essa visão agrega e incentiva a todos os responsáveis por este ecossistema a evoluir juntos, trazendo direcionamentos para que a indústria, pessoas, órgãos reguladores e entidades civis e governamentais estejam preparados para investir, desenvolver e integrar essa nova modalidade de transporte.

O conceito estará em constante estudo e evolução e, portanto, caso tenha quaisquer sugestões ou comentários, favor enviar mensagem para [email protected]

 

 

Com informações da Embraer.