No dia 14 de outubro foi comemorado o aniversário de um representante das Forças Armadas na cidade de Barbacena (MG): o ex-combatente João Rodrigues da Costa, ex-integrante da Força Expedicionária Brasileira (FEB), que participou da II Guerra Mundial, na Itália. O militar recebeu o Comandante da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR), Brigadeiro do Ar Paulo Ricardo da Silva Mendes que, em nome do efetivo da Escola, cumprimentou o aniversariante e fez as homenagens em razão dos 97 anos completados nessa data.

Incorporado às fileiras do Exército Brasileiro na condição de soldado, no 11° Batalhão de Infantaria de Montanha, com sede na cidade de São João del-Rei (MG), João Rodrigues contou as histórias vividas na guerra pelo Soldado Rodrigues, desde o processo de alistamento até o momento em que foi convocado para servir à Pátria, na área de comunicações. Desconhecedor do que se tratava, disse à família que estava em um hospital, até descobrir a realidade do momento e, secretamente, conseguir enviar uma carta onde dizia que estava indo para a Itália e não sabia quando voltava. “Um Oficial estava desembarcando do navio e perguntei a ele se poderia postar uma carta. Ele gentilmente disse que sim, onde então corri em meu quarto no navio, rasguei rapidamente um pedaço de papel e escrevi para minha família. Quando retornei, vi que ele realmente havia postado”, disse o aniversariante.

A família do militar guarda um pequeno acervo de itens utilizados pelo militar na década de 1940, assim como homenagens recebidas durante estes anos. São peças do fardamento, pequenos monumentos, fotos, cédulas da época, livros de pequenos registros e duas peças que mereceram lugar cativo nas paredes da casa: a carta emitida pelo Papa Pio XII, onde concedia bênçãos aos militares que retornavam da guerra e um mapa onde apresenta todo o deslocamento das tropas brasileiras na Itália. “Temos muito orgulho do que ele passou e por isso temos o maior prazer em preservar estes pertences”, disse a esposa Amélia Rodrigues, casada com João há quase 60 anos.

“São mais de 30 anos de carreira e ainda não havia tido a oportunidade de estar tão próximo a um pracinha e poder ouvi-lo. São histórias de vida como estas que nos engrandecem e nos dão ainda mais orgulho da carreira que escolhemos. Vê-lo, com 97 anos de idade e relembrando detalhes de sua ida para a Itália é dignificante. Desejo que ele tenha ainda mais saúde para poder propagar suas experiências a novas gerações e que este período pandêmico passe para que possamos apresentá-lo aos nossos alunos”, comentou o Brigadeiro Silva Mendes, após a visita.

Na despedida, o Oficial-General frisou a alegria do momento e se despediu do ex-combatente com uma saudosa continência, sendo retribuída e complementada com a seguinte afirmação: “Sabe, senhor Brigadeiro, é uma honra recebê-lo em minha casa. Lamento não estar em plena vitalidade para retribuir ao senhor a merecida continência. Muito obrigado pela presença”, declarou o ex-combatente que, atualmente, é o único representante dos pracinhas da FEB na cidade de Barbacena e região.

 
Fonte: FAB
 
Fotos: Sargento Domingos/EPCAR

DEIXE UMA RESPOSTA