FedEx transporta primeira carga de vacinas da Pfizer

A FedEx transportou no último dia 13 de dezembro a primeira carga de vacinas do COVID-19 fabricadas pela Pfizer, decolando com um cargueiro a partir de Grand Rapids, Michigan, voando para Memphis.

O Aeroporto Internacional Gerald R. Ford (GRR) recebeu as primeiras doses por caminhão da sede da Pfizer, em Portage, às 09h45 do dia 13 de dezembro. O avião responsável pelo transporte foi um Airbus A300 (N669FE), que foi carregado com as doses em poucos minutos.

Assim que a aeronave chegou a Memphis, as vacinas foram descarregadas e, em seguida, eles iniciaram um processo de distribuição pelos Estados Unidos, seja terrestre ou utilizando o hub aéreo da FedEx.

A FedEx Express começou o transporte da vacina usando seu serviço FedEx Priority Overnight. A meta é utilizar toda a imensa malha da aérea para transportar com agilidade as vacinas para diversos centros de distribuição.

Pelas características das mesmas, a vacina da COVID-19 precisa de transporte rápido e que consiga manter a temperatura especificada pelo laboratório responsável pela fabricação.

A distribuição da vacina será equilibrada entre as principais transportadoras de carga, e a FedEx está trabalhando em estreita colaboração com os clientes da área de saúde para se preparar para remessas adicionais de vacinas e transporte de suprimentos essenciais relacionados à vacina.

Essa talvez seja a maior colaboração entre FedEx e UPS na história, para atingir todas as cidades dos EUA, e até mesmo atender a demanda de outros países em parceria com a Pfizer.


 

DEIXE UMA RESPOSTA