FlyBondi agora precisará operar voos a partir do Aeroporto de Ezeiza

Flybondi

A FlyBondi lançou seus voos com o foco de ser uma companhia aérea de baixo custo e com passagens aéreas baratas. Inicialmente deu certo, e para isso a empresa utilizava ao máximo aeroportos com menos infraestrutura, e mais baratos de operar voos.

O Aeroporto El Palomar estava nesse roteiro da companhia. Ele era utilizado para os voos partindo ou chegando em Buenos Aires. Com infraestrutura menor, era mais barato operar no local.

Mas recentemente o Governo da Argentina decidiu que vai concentrar todas as operações da aviação comercial no Aeroporto de Ezeiza, ficando assim o Aeroparque para uso exclusivo em algumas operações, e aumentando a vantagem da Aerolíneas Argentinas no local.

A Flybondi concordou com as condições, visto que precisa continuar operando voos, principalmente os internacionais, e vai se mudar do Aeroporto Internacional El Palomar, em Buenos Aires.

O ex-presidente Mauricio Macri permitiu que a El Palomar operasse voos comerciais em janeiro de 2018. No entanto, o governo atual revogou as operações em El Palomar, por reclamações sobre o ruído de aeronaves, e o Jorge Newbery (Aeroparque) está em reformas para a modernização e ampliação do local.

Difícil é dizer se em Ezeiza, com suas altas tarifas de embarque, a Flybondi vai conseguir manter a sua política de baixas tarifas ao passageiro.

 

DEIXE UMA RESPOSTA