Fórmula 1 Boeing 747 Atlas

Com grande expectativa o Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1 voltará a ser realizado neste ano no país, em 2020 devido a pandemia de Covid-19, a etapa foi cancelada. Os três dias do evento automobilístico acontece entre os dias 12, 13 e 14 de novembro.

Os primeiros equipamentos já chegaram à São Paulo, os pilotos chegaram ao Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos no final da tarde de hoje(08). A LATAM disponibilizou dois Boeings 777-300ER para trazer os pilotos a partir da Cidade do México onde foi realizada a última corrida.

LATAM Boeing 777-300ER
Foto: Gabriel Melo/Aeroflap

Se por um Aeroporto chegam os pilotos, pelo outro chegam os primeiros equipamentos, que chegaram no final da tarde desta segunda-feira em Campinas, vindos a bordo do Boeing 747-400F da Atlas Air. Os primeiros carros deverão chegar nos voos no começo da manhã desta terça-feira (09). 

Em uma mega operação que conta com oito voos operados com o Boeing 747 de três diferentes empresas. Os carros e os equipamentos foram preparados para serem carregados com segurança ainda no domingo após o GP do México que foi vencido pelo piloto Max Verstappen da equipe Red Bull Racing.

O Aeroporto de Viracopos montou uma operação especial para agilizar a operação. Os carros da Fórmula 1 e os equipamentos serão transportados em comboios para Interlagos. Toda a operação envolve pelo menos 100 pessoas de diversas áreas do Aeroporto, incluindo de órgãos públicos, agentes de carga, companhias aéreas e de empresas contratadas para o transporte e a logística da operação.

Estão previstas 110 viagens de carretas para transportar todos os equipamentos e carros dos seis voos previstos para São Paulo. 

 

DEIXE UMA RESPOSTA