Foto - Cnc3

Os efeitos da corrente de ar do Ártico que chegou nos Estados Unidos nesta semana estão afetando duramente as operações das companhias aéreas, além de causar diversos outros transtornos e até mortes.

Ontem mais de 2300 voos foram cancelados, e 3500 estavam em situação de “atraso”. Boa parte desses voos cancelados seriam operados a partir de Aeroportos de Chicago e Nova York.

Hoje mais de 1100 voos se encontravam em situação de cancelado, enquanto temperaturas de até -30ºC atingem o leste dos EUA. 

As companhias aéreas mais afetadas são: American Airlines, Southwest e United.

Além de fazer o procedimento de retirada do gelo das aeronaves e remover a neve, companhias aéreas, incluindo Delta e United, disseram que estavam tomando medidas extras para garantir que os funcionários pudessem fazer pausas frequentes para se aquecer.

“Fará 30 graus negativos em partes da Dakota do Norte hoje. Vinte graus negativos em Minnesota e no norte de Michigan”, disse David Hamrick, meteorologista do Centro de Previsões do Clima do Serviço Nacional do Clima (NWS) de College Park, em Maryland. 

O ar frio já chegou a Boston, em Massachusetts, na manhã desta quinta-feira. A temperatura caiu para cerca de 15ºC negativos e dificilmente subirão mais do que uma dezena de graus, segundo Hamrick.

 

Com informações de Reuters e FlightGlobal