Fundador da Air Italy registra “nova empresa” na Europa e pode ter aviões da Embraer

O fundador da Air Italy, Giuseppe Gentile, registrou uma nova marca na Europa, “italian airways”.

Ainda não se sabe muito sobre os planos do empresário, mas pode envolver aeronaves de 100 assentos, como o jato da Embraer e talvez rotas de longa distância com um Boeing 777.

Segundo o Escritório de Propriedade Intelectual da UE, em 02 de janeiro de 2020, o Sr. Gentile registrou o nome “italian airways” (todas em minúsculas) até 2030 por 1.050 euros e solicitou várias licenças.

Dentre as licenças incluem:

  • Licença comercial de bens e serviços – Serviços aéreos de passageiros;
  • Serviços de administração – Administração comercial, administração comercial, administração de programas para grandes viajantes;
  • Serviços de reservas – Reserva de assentos em viagens aéreas, fornecimento por meio eletrônico de informações relacionadas ao planejamento e reserva de viagens com companhias aéreas;
  • Licença de alimentos e bebidas – Serviços de café, lanchonete, preparação e fornecimento de alimentos e bebidas para consumo imediato, administração de alimentos e bebidas aos hóspedes.

Ainda não há um certificado oficial para que a empresa já consiga iniciar voos, mesmo que tivesse ainda também nenhuma encomenda oficial de nenhuma aeronave. 

 

DEIXE UMA RESPOSTA