GE Aviation fala em reduzir a produção de motores aeronáuticos em 50%

Foto - GE Aviation

A GE (General Electric), na sua divisão de fabricação de motores aeronáuticos, no momento a mais lucrativa do grupo, declarou que suspendeu cerca de 50% da sua capacidade de produção de motores de aeronaves.

Por enquanto a GE não anunciou um programa de layoff ou demissões em massa, devido ao corte de produção repentino. A empresa já tinha anunciado na semana passada que estava reduzindo a sua força de trabalho em 10%, para equilibrar as contas.

No total, cerca de 2600, de 52000 funcionários, foram demitidos na última semana. 

A GE Aviation fabrica o turbofan GEnx, que é uma opção no Boeing 787, além do GE9X para o 777X. Também é parceira da CFM International, fabricante de turbofans da série Leap, que equipam aeronaves da família 737 MAX e Airbus A320neo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA