GOL permitirá remarcação gratuita de voos operados pelo 737 MAX

Boeing 737 MAX GOL

A GOL Linhas Aéreas decidiu não ocultar o nome do Boeing 737 MAX da fuselagem de suas aeronaves, colocando a referência ao avião no próprio nariz.

E para a companhia, o melhor jeito de ganhar a confiança do passageiro é permitir que o 737 MAX re-certificado seja colocado em prova ao longo do tempo. Por este motivo a companhia permitirá que o passageiro remarque sua passagem, caso não queira voar no novo avião.

Pela frota ser extremamente padronizada em 186 assentos, a GOL não poderá informar com total certeza e antecedência sobre a presença do 737 MAX no voo, ou seja, a aeronave operará em diversas rotas domésticas nos próximos meses, e muitas vezes o passageiro só vai descobrir que voará no MAX quando estiver no portão de embarque.

Por este motivo, a GOL permitirá que mesmo assim o passageiro recuse o embarque e vá em outro voo da companhia. A remarcação estará sujeita, no entanto, aos assentos disponíveis no voo escolhido pelo passageiro.

A remarcação será sem custo, mesmo após o check-in realizado e com a presença do cliente na área de embarque. A GOL não declarou até quando manterá essa regra para os seus clientes, visto que deve finalizar 2021 com 17 aviões 737 MAX 8 na sua frota, operando centenas de voos por dia.

Já a retomada acontecerá no próximo dia 09 de dezembro, quando a Boeing 737 MAX poderá cumprir voos entre Confins (Belo Horizonte) e São Paulo (Congonhas), além de voos entre o Galeão, no Rio de Janeiro, e dois aeroportos em São Paulo (Congonhas e Guarulhos).

Ao todo a GOL tem no momento 7 aviões Boeing 737 MAX na sua frota. Toda a frota desta aeronave estará disponível para realizar voos ainda neste mês de dezembro.


 

DEIXE UMA RESPOSTA