Foto - ATR/Via Twitter

Além da Avianca Brasil estar paralisada, a Avianca Argentina, que também pertence ao Grupo Sinergy, está enfrentando agora uma greve de funcionários, que foi iniciada ontem (07/06) após colaboradores da empresa pontarem atrasos nos salários.

A companhia que só opera um avião atualmente, também suspendeu a venda de voos para depois do dia 1º de agosto deste ano, após instabilidades que podem colocar em dúvida a continuidade da operação da empresa. Ao todo a companhia tem 142 funcionários.

A Avianca Argentina já foi cotada para receber duas aeronaves do modelo A320, fabricadas pela Airbus, como forma de expandir suas operações internacionais, enquanto os aviões ATR 72 possibilitariam uma entrada mais “econômica” no mercado doméstico da Argentina. A companhia não chegou a receber aviões da Avianca Brasil, um deles ficou mais de um ano estocado em São José dos Campos.

A Avianca Argentina corre atualmente um grande risco de seguir o mesmo rumo da “irmã” brasileira, com a interrupção das operações e a iminente falência. Enquanto isso a United assumiu indiretamente o comando da Avianca Colombia, antes comandava pelo Grupo Sinergy.