Clique Aqui e receba as principais Notícias da Aviação em tempo real diretamente no seu Whatsapp ou Telegram.

LATAM
Foto - Divulgação

O Grupo LATAM Airlines anunciou na noite desta terça-feira (09) os seus resultados financeiros consolidados para o quarto trimestre encerrado em 31 de dezembro de 2020.

A receita total no quarto trimestre de 2020 foi de US$ 897,5 milhões, uma redução de 68,7% em relação ao mesmo período de 2019. Essa redução foi impulsionada por uma redução de 81,6% nas receitas de passageiros, resultante de uma redução de 67,1% na capacidade medida em assento por quilômetro oferecido (ASK).

A queda nas receitas de passageiros foi parcialmente compensada por um aumento de
26,7% nas receitas de carga, uma vez que as operações de cargueiros aumentaram 21%, respondendo à forte demanda por serviços de carga durante a pandemia.

Para todo o ano de 2020, as receitas da LATAM alcançaram US$ 4,334 bilhões, um declínio de 58,4% em comparação com o ano anterior, resultante do impacto da pandemia de COVID-19.

Como resultado, o prejuízo operacional totalizou US$ 501,8 milhões no quarto trimestre de 2020, enquanto o prejuízo líquido foi de US$ 962,5 milhões. Para o ano todo, o prejuízo operacional totalizou US$ 1,665 bilhão e um prejuízo líquido de US$ 4,545 bilhões.

Ao final do trimestre, a dívida financeira da LATAM totalizou US$ 7,6 bilhões, uma redução de US$ 835 milhões em relação ao trimestre anterior.

No final do quarto trimestre de 2020, a LATAM reportou US$ 1,696 bilhão em caixa e equivalentes, incluindo certos investimentos de alta liquidez contabilizados como outros ativos financeiros circulantes.

A empresa fez em 8 de outubro o primeiro saque de US$ 1,15 bilhão do seu financiamento DIP de US$ 2,45 bilhões, o que representava metade dos recursos disponíveis naquela data. A empresa encerrou o ano com US$ 1,7 bilhão em caixa e equivalentes e US$ 1,3 bilhão de financiamento DIP disponível, totalizando US$ 3,0 bilhões em liquidez.

A companhia finalizou o ano com uma frota de 296 aeronaves, após devolver 35 aviões ao longo do ano. Cerca de 98 aviões estão operando sob regime de leasing.

Veja mais dados Clicando Aqui.