Aviação Executiva Timbro

A famosa fabricante de jatos executivos Gulfstream divulgou nesta semana sua projeção de entregas de aeronaves para os próximos anos, bem como a demanda do mercado.

De acordo com a empresa, cerca de 170 novos jatos executivos serão entregues em 2024. Esta é a primeira vez que a empresa pode entregar tantos aviões luxuosos em um período de 12 meses, batendo um recorde de aviões fabricados.

Somente neste ano serão 125 novos aviões da Gulfstream produzido e entregues. Em 2021 a empresa entregou um total de 119 aeronaves, enquanto em 2020 entregou 127 unidades mesmo em um complicado ano de pandemia.

Vista da cabine do G700.

A empresa disse que sua demanda está limitada pela capacidade de produção de componentes, algo que será sanado a partir de 2023, quando uma nova linha de fabricação entra em atividade. Deste modo, a Gulfstream planeja entregar 148 aeronaves em 2023 e 170 em 2024.

“Nossa capacidade de aumentar ainda mais em [2022] é limitada pelo problema de fornecimento de asas… que será remediado para 2023″, disse a empresa. “Isso é simplesmente uma questão de expandir uma instalação de asa, apenas um toque, e precisamos de outro conjunto de ferramentas.”

“Precisamos expandir nossa nova instalação de asa moderna e adquirir outro conjunto de ferramentas e acessórios”, disse a General Dynamics, que administra a Gulfstream. “Tudo isso está em andamento e estará em vigor para satisfazer nossas necessidades para [2023] e depois.”

 

A General Dynamics informou que sua divisão aeroespacial, que a Gulfstream participa, obteve um lucro de US$ 1 bilhão em 2021, uma queda de 5% em relação a 2020.

A carteira de pedidos aeroespaciais da General Dynamics ficou em US$ 16,3 bilhões no final de 2021, um aumento de 40% em relação ao ano anterior. A empresa não divulga o número total de encomendas da Gulfstream, mas declarou que a demanda acelerou muito no final do ano passado.

Ainda em 2022 a Gulfstream planeja certificar o novíssimo G700 e entregar a primeira unidade do avião, o maior e mais luxuoso já produzido pela marca e que substitui o G650ER.