TAP ME Aeroporto do Galeão
Foto: Divulgação

O futuro da TAP ME, localizada no Aeroporto do Galeão (RJ), pode estar nas mãos de quatro empresas interessadas no local, de acordo com a coluna Magnavita, do jornal Correio da Manhã.

As instalações da TAP ME chegaram a ser a maior do Brasil para a manutenção de aeronaves, e surgiram com a Varig Engenharia e Manutenção (VEM). O gigante hangar do Rio de Janeiro agora tem interesse de três empresas estrangeiras, sendo uma a United Airlines, e uma empresa localizada no Brasil.

De acordo com informações da coluna, há interesse da TAP em repassar as instalações do Galeão, juntamente com ferramental e assistência, para uma nova empresa que pode atuar no local. Entre as vantagens está o baixo custo da mão de obra em dólar, que é muito especializada e experiente, e a proximidade de instalações da GE no Galeão e Petrópolis para a manutenção de motores, a GE Celma.

A empresa já foi líder em manutenção de aviões na América Latina. O hangar do Galeão pode receber dois aviões Boeing 747 ao mesmo tempo. O local realizava a manutenção de aviões da Varig, companhias parcerias e até de várias forças aéreas de países da América Latina, como a própria FAB.

O grande hangar do Rio de Janeiro tem uma área total de 11 mil m², e com todo o pátio contabiliza 200 mil m². Cerca de 4000 pessoas já chegaram a trabalhar no local, nos melhores anos de faturamento.

Em 2013 a Época ressaltou que a falida Avianca Brasil, através do Sinergy Group, e a Embraer tinham interesse no local, que precisa de reformulações no valor de R$ 30 milhões.