Helicóptero da FAB mantém apoio no combate ao incêndio no Pantanal

Uma aeronave H-60L Black Hawk da Força Aérea Brasileira (FAB), operada pelo Quinto Esquadrão do Oitavo Grupo de Aviação (5º/8º GAV) – Esquadrão Pantera, segue engajada na missão de Transporte Aéreo Logístico na Operação Pantanal, deflagrada pelo Ministério da Defesa.

A ação teve início em 27 de julho, no Mato Grosso do Sul (MS) e, desde o dia 5 de agosto, foi estendida para o Mato Grosso (MT).

O H-60L Black Hawk cumpriu, do dia 24 ao dia 29 de agosto, missões de Transporte Aéreo Logístico em apoio ao combate às chamas que atingem a região do Pantanal.

A aeronave transportou na segunda-feira (24) e terça-feira (25) brigadistas do Corpo de Bombeiros do Mato Grosso do Sul até a Ilha Camargo Correa e proximidades da Rodovia Transpantaneira, respectivamente, para combate ao fogo.

Já na quarta-feira (26), o voo foi de reconhecimento para monitorar as chamas. Na quinta-feira (27), o H-60L Black Hawk transportou equipamentos do município de Poconé (MT) para Cuiabá, capital do estado do Mato Grosso, em apoio à Marinha do Brasil.

Na sexta-feira (28), brigadistas do Corpo de Bombeiros e profissionais do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) foram levados até o município de Santo Antônio de Leverger (MT) para combater os incêndios. No sábado (29), o helicóptero transladou os brigadistas até o porto da fazenda Santa Maria, no município de Poconé (MT).

O Sargento Leandro Pataro, especialista em Guarda e Segurança e tripulante da aeronave, relatou a atuação da equipe em ajudar no combate aos incêndios.


“Muito gratificante poder ajudar bombeiros e militares do Brasil que estão empenhados em salvaguardar vidas e o patrimônio natural”, disse.

 

Operação Pantanal

A Operação Pantanal, deflagrada pelo Ministério da Defesa, conta com a atuação das Forças Armadas, empregando aeronaves no combate a incêndios e atuando em parceria com agências federais e estaduais, por conta das queimadas na região.

O Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), Organização da FAB responsável pelo emprego das aeronaves, realiza a coordenação junto ao Ministério da Defesa (MD), que atendeu à solicitação dos governos estaduais.

Para cumprir a demanda, o MD estabeleceu um Centro de Coordenação no Comando do 6º Distrito Naval, na cidade de Ladário (MS). Também participam das ações helicópteros da Marinha do Brasil e do Exército Brasileiro.

 

Via – FAB

DEIXE UMA RESPOSTA