A Honeywell ajustou para baixo sua projeção de previsão de entrega de jatos executivos nos próximos dez anos, embora ainda espere um aumento nas entregas em 2019, graças à entrada em serviço de novos modelos.

Em 2020 também deverá ter um aumento de 7%, em comparação com 2019, na entrega de novos jatos executivos.

Ao mesmo tempo, a Honeywell está otimista com o mercado de aviões usados nos próximos 10 anos, algo proporcionado pela substituição atual de aeronaves antigas, que serão substituídas novamente nos próximos anos.

Ao todo 7600 novos jatos executivos devem ser comercializados nos próximos 10 anos, de acordo com a Honeywell, que pode chegar ao montante de US$248 bilhões de movimentação financeira.

A última estimativa, divulgada em 2018, era a entrega de 7700 aeronaves.

Vários fabricantes lançaram novas aeronaves no mercado nos últimos meses, incluindo a Bombardier (Global 5500 e 6500), Embraer (Linha Praetor), Gulfstream (G500 e G600) e Textron Aviation (Cessna Citation Longitude).

 

Via – FlightGlobal


DEIXE UMA RESPOSTA