HSBC espera maior consolidação entre companhias aéreas da Europa

Foto - Air France

Uma recente análise do HSBC apontou que a atual crise na aviação deve acelerar a consolidação (fusão) entre empresas de aviação em toda a Europa, visto que as empresas menos lucrativas estão suscetíveis à falência.

O HSBC analisou dados financeiros das principais companhias europeias, como a Aegean Airlines, Air France-KLM, EasyJet, Finnair, IAG, Lufthansa, Nowegian, Ryanair, SAS e Wizz Air.

O banco considera que essas companhia aéreas estão fazendo um trabalho melhor em cortar custos do que o esperado como parte de sua última análise setorial em março, mas alerta que isso não será suficiente para evitar “prejuízos extraordinários” no ano.

“Esperamos que as companhias aéreas financeiramente fracas que sobrevivem sejam … significativamente menores à medida que saem do surto [de COVID-19]”, escreve o banco em uma atualização de sua cobertura setorial. “Onde esses negócios têm posições de mercado estrategicamente relevantes, esperamos que sejam absorvidos pelas empresas mais fortes”.

A melhor taxa de ‘sobrevivência’ de companhias aéreas está na região da Escandinávia, visto os auxílios estatais para resgatar essas empresas, como a própria Norwegian, podem melhorar drasticamente a situação financeira dessas empresas.

O HSBC espera que essas companhias aéreas consigam reduzir o número de funcionários em cerca de 50% no período de junho a dezembro. Isso se compara às estimativas de cerca de 30% em seus modelos anteriores, que ocorreram até o final de junho.

O HSBC alerta para o fraco crescimento do tráfego que vai se estender profundamente na próxima década: “Levará até 2022 ou talvez 2023 para recuperar o nível de tráfego visto em 2019, uma vez que os volumes da aviação estão diretamente relacionados à atividade econômica e a economia mundial encolherá com esse surto”, prevê o HSBC. “O acúmulo de dívida que surgirá das companhias aéreas que sobreviverem à crise pesará nos negócios e provavelmente exigirá que eles sejam recapitalizados em algum momento.”


 

DEIXE UMA RESPOSTA