Incêndio em navio de assalto anfíbio da Marinha dos EUA deixa 21 feridos

Navio de assalto anfíbio USS Bonhomme Richard, em meio a chamas- Foto; Getty Images de Sean M. Haffey

Na manhã de ontem, domingo (12), um incêndio começou navio de assalto anfíbio USS Bonhomme Richard (LHD-6), a embarcação está atracada na Base Naval de San Diego.De acordo com as fontes há relatos de 21 feridos, incluindo 17 marinheiros e 4 civis.

O trabalho para combater o incêndio estão a todo o vapor, seja por água com barcos jogando água na embarcação, pelo ar com helicópteros atirando água no navio, e dentro do navio, uma equipe de bombeiros está combatendo o incêndio.

O contra-almirante da Marinha dos EUA, Philip Sobeck, comandante do Expeditionary Strike Group 3, disse a repórteres em uma matéria publicada pelo San Diego Union Tribune que: “A Marinha acredita que o incêndio começou em um porão de carga mais baixo, uma área V profunda, onde equipamentos marítimos e os veículos são armazenados ”.

O chefe dos bombeiros de San Diego, Colin Stowell, enviou uma mensagem de texto que a Marinha teria contingências para controlar o incêndio, mas Stowell também foi citado pela CNN por dizer que o navio poderia “queimar por dias”. Outros meios de comunicação informaram que “houve um progresso significativo” no combate ao incêndio, com os bombeiros voltando a bordo do navio enquanto continuavam a combater as chamas, embora essas notícias parecessem improváveis ​​quando o fogo se intensificou na manhã de segunda-feira.

Alguns relatos dão conta que o incêndio não pode ser controlado. De acordo com a Marinha dos EUA o óleo armazenado não corre risco de se incendiar e assim aumentar o incêndio.

A Marinha acredita que o incêndio começou no porão de carga mais baixo, onde equipamentos marítimos e os veículos são armazenados.

A embarcação era usada como um navio de assalto, transportando até a costa inimiga tropas e veículos, blindados, o USS Bonhomme Richard, ainda tinha uma pista pouso e decolagem para helicópteros e aeronaves que tem a capacidade de pouso e decolagem na vertical (STOV, como por exemplo AV-8 Harrier e o F-35B)


USS Bonhomme Richard- Foto: Marinha dos EUA

Fonte de apoio: The Aviationist

DEIXE UMA RESPOSTA