(Reuters) – A inflação em alta e a demanda dos clientes pode acabar retardando a constante queda do preço do caça stealth F-35 Lightning II, afirmou a Lockheed Martin, fabricante do caça, na última segunda-feira (26). Desde que o avião de combate foi lançado em 2007, o preço unitário vem tendo uma queda de 64%. 

Quando o primeiro F-35A saiu da linha de produção, cada aeronave custava US$ 221 milhões. Hoje, o caça já foi adquirido por 15 nações e mais de 620 aeronaves estão em operação. Esses fatores, aliados ao know-how de produção, reduziram o preço unitário para apenas US$ 79 milhões. No entanto, esse preço deve aumentar, segundo o que o CFO da Lockheed, Kenneth Possenriede, disse à analistas durante uma teleconferência. 

“Devido a onde estamos no aprendizado, devido a onde estamos com a inflação e devido a onde estamos com as capacidades adicionais que eles desejam na aeronave, é provável que veremos um aumento nos preços, um aumento modesto nos preços de onde estamos hoje”, disse o executivo. 

F-35 Lightning II. Foto: USAF.

Segundo a Reuters, o aumento de preço abrirá a Lockheed para reclamações de legisladores dos EUA, que não querem ver mais dinheiro gasto no programa militar mais caro da história. Além disso, a notícia chega enquanto a Lockheed negocia seu próximo contrato com clientes, incluindo o Pentágono.

Possenriede disse que o preço das variantes F-35B e C – de pouso e decolagem vertical e operações em porta-aviões, respectivamente – provavelmente “permanecerá onde está ou continuará a descer na curva de aprendizado”, enquanto o F-35A, modelo mais adquirido até o momento, deve ficar mais caro. 

F-35A, F-35B e F-35C sobrevoam os arredores da base Aérea de Eglin, na Flórida. Foto: Staff Sgt. Katerina Slivinske/USAF.

A Lockheed aumentou sua orientação de lucro por ação para o ano inteiro, já que os negócios espaciais da fabricante dos EUA aumentaram a receita no segundo trimestre, enquanto uma perda de US$ 225 milhões em um programa de desenvolvimento aeronáutico secreto fez com que a empresa perdesse as estimativas de lucro por ação dos analistas. 

DEIXE UMA RESPOSTA