Entre os dias 1º e 7 de agosto acontece a Semana Mundial do Aleitamento Materno e a Infraero apoia a iniciativa. Em todos os aeroportos da rede, as mães podem amamentar livremente, não só exercendo a maternidade de forma consciente, mas usufruindo de um direito legal.

 

Segundo a Organização Mundial da Saúde, a amamentação previne doenças e a desnutrição em todas as formas, além de garantir a segurança alimentar dos bebês, e reforçar o desenvolvimento das crianças até dois anos. Para usufruir desse direito, as mães estão amparadas pelo Projeto de Lei nº 514, de 2015, que prevê multa a estabelecimentos que proibirem mães de amamentar. Cidades como São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre já penalizam qualquer tipo de proibição.

 

A Infraero apoia o aleitamento materno em qualquer local dos aeroportos da rede e sugere algumas dicas para as mães: Higienizar as mãos antes de iniciar a amamentação; usar roupas confortáveis, que facilitem abertura da blusa; utilizar fraldinha durante a amamentação ou batas para cobrir o peito – o importante é a mãe e o bebê estarem confortáveis e tranquilos nesse momento. Caso algum funcionário, gerente ou mesmo, o dono do estabelecimento tente impedir a amamentação, vale lembrá-los de que você está exercendo um direito. Em locais onde a discriminação já é proibida por Lei, denuncie o caso.