O Rio de Janeiro será, pela 7ª vez, palco de um dos maiores festivais de música do mundo, o Rock In Rio, que ocorre de 15 a 17 e de 21 a 24 de setembro. Para garantir que turistas e artistas utilizem o Aeroporto Santos Dumont (RJ) com tranquilidade, a Infraero anunciou que preparou medidas para reforçar as equipes. Segurança, limpeza e atendimento ao público estão entre os principais pontos que receberão atenção especial no período de 11 a 27 de setembro, já que o evento acontece em dois fins de semana consecutivos.

Cerca de 540 mil pessoas devem passar pelo terminal carioca em 17 dias, além da movimentação de 3,16 mil aeronaves, entre pousos e decolagens. Para receber a demanda esperada para o festival, o aeroporto carioca funcionará de forma semelhante aos planos de reforços executados em feriados prolongados. Para se ter uma ideia, o Santos Dumont movimentou, durante 12 dias da operação Carnaval 2017,em média, 295 mil passageiros, entre 23 de fevereiro e 6 de março.

O receptivo dos artistas que marcarão presença no evento também conta com esquemas especiais de embarque e desembarque, cumpridos sem impactar a movimentação de passageiros e garantindo a segurança e a comodidade das atrações do festival e dos usuários dos aeroportos. Entre os cantores e bandas que passarão pelo Santos Dumont para o Rock in Rio estão Aerosmith, Pet Shop Boys, Bon Jovi, Def Leppard e Guns N’ Roses.

“A equipe do Santos Dumont tem vasta experiência com operações para grandes eventos. Em todas as oportunidades, o sucesso obtido foi possível graças ao planejamento antecipado e o comprometimento de toda a equipe da Infraero em garantir que os embarques e desembarques ocorram de forma eficiente”, destaca o superintendente do aeroporto, João Marcos Coelho Soares. “No caso do Rock In Rio, nossa intenção é que a passagem do público em geral e artistas pelo nosso aeroporto ocorra de forma coordenada, segura e com a cordial atenção dos profissionais que aqui trabalham, sem que haja impacto para a rotina e para os passageiros frequentes”, acrescenta.

A Infraero também alinhou o fluxo de trânsito com Companhia de Engenharia e Tráfego do Rio de Janeiro (CET-Rio) para que haja fluidez também do lado de fora do terminal. A CET é responsável pelo planejamento, desenvolvimento e elaboração de estratégias voltadas à mobilidade e segurança viária local. Além do reforço de ônibus executivos no aeroporto carioca, a organização do Rock In Rio também conta com ônibus próprio que levará os turistas do Santos Dumont direto à Cidade do Rock.

Criado em 1985, o Rock In Rio completou, em janeiro, 32 anos de história e já exibiu suas edições internacionais em Lisboa (Portugal), Madrid (Espanha) e Las Vegas (Estados Unidos), se consolidando mundialmente como um dos maiores e mais conhecidos festivais de música. O evento já soma 17 edições, 101 dias e 1.604 atrações musicais. Ao longo destes anos, mais de 8,5 milhões de pessoas passaram pelas Cidades do Rock.