Foto - Divulgação / Infraero

Na manhã desta quinta-feira (03/01) o Presidente Jair Bolsonaro confirmou que 12 aeroportos estarão no próximo pacote de investimentos que vão atrair R$ 7 bilhões para a melhoria de infraestrutura do país.

A fala do presidente já foi ressaltada pelo novo Ministro da Infraestrutura, que citou uma série de concessões dos aeroportos no mesmo molde atual, em blocos. Além disso o ex-presidente Michel Temer marcou para março a concessão de 12 aeroportos, em forma de blocos.

Além disso o Governo criou a NAV Brasil, iniciando o desmantelamento de uma parte da Infraero, que cuidava do tráfego aéreo. Atualmente a NAV Brasil está sob responsabilidade da Força Aérea Brasileira, que também cuida do tráfego aéreo à nível nacional.

“Rapidamente atrairemos investimentos iniciais em torno de 7 bilhões de reais, com concessões de ferrovia, 12 aeroportos e 4 terminais portuários. Com a confiança do investidor sob condições favoráveis à população resgataremos o desenvolvimento inicial da infraestrutura do Brasil”, disse Bolsonaro em mensagem no Twitter.

Os R$ 7 bilhões são referentes aos investimentos, mas nas concessões de março o governo deve levantar mais de 4,5 bilhões de reais para o seu caixa, dos quais 1,35 bilhão de reais é relativo à ferrovia.