A Israel Aerospace Industry (IAI) começou a trabalhar no desenvolvimento de soluções de energia verde para uma futura aeronave movida a eletricidade, combinando benefícios ambientais e maior alcance e resistência, além de significativa economia de combustível.

A demanda por aviões elétricos deve alcançar centenas de unidades por ano na próxima década, abrangendo uma gama de tamanhos e diferentes perfis de missões. Estima-se que o uso crescente de propulsão elétrica poupará centenas de milhões de dólares em combustível e manutenção.

Os benefícios trazidos ao meio ambiente incluem uma significativa redução de poluição do ar e sonora. Ainda que a propulsão elétrica hoje se limite majoritariamente a aeronaves muito leves, a IAI estima que, à medida que a tecnologia continua a amadurecer, o mercado se diversificará para aviões de passageiros de curto alcance e outras configurações.

A IAI tem muitos anos de experiência em sistemas movidos a eletricidade para veículos aéreos não tripulados. Alguns dos produtos desenvolvidos pela empresa incluem os VANTs Panther e Mini Panther, veículos não tripulados com decolagem e aterrissagem verticais, além do veículo de reconhecimento Bird Eye 650.

Nos últimos anos, a IAI tem investido pesadamente em pesquisa e desenvolvimento de sistemas movidos a eletricidade, dentre os quais motores, baterias e fontes de energia. A empresa também monitora de perto o desenvolvimento, integração e demonstração de tecnologias avançadas nesse campo. Ao lado dos projetos que a própria empresa realiza em suas instalações, a IAI também considera colaborações com uma empresa startup em seu mais recente e desafiador projeto de aeronave movida a eletricidade.