Itapemirim ITA Airbus A320
Foto: Gisele Orquídea/Aeroflap

A Itapemirim iniciou nesta sexta-feira (24) a venda de passagens aéreas em seu site: www.voeita.com.br .

O voo inaugural da Itapemirim está agendado para o dia 29 de junho de 2021, contudo, a companhia vai reverter a renda para instituições beneficentes. O início dos voos comerciais será no dia subsequente, 30 de junho.

Neste primeiro momento serão 35 destinos ofertados pela companhia, sendo 8 no primeiro mês de operação.

A companhia está oferecendo tarifas especiais de lançamento, a partir de R$ 119,90, incluindo feriados e datas especiais, como Ano Novo e Carnaval. 

Além do conforto, a companhia ainda vai oferecer serviços diferenciados, como despacho gratuito de bagagem para todas as classes tarifárias e marcação de assento sem custo adicional. Quando possível (por conta da pandemia), os passageiros também terão à disposição serviço de bordo diferenciado.

 

Destinos

Em sua estreia no mercado aéreo doméstico, a Itapemirim diz que vai estar presente em oito cidades brasileiras, são elas: Belo Horizonte-Confins (MG); Brasília (DF); Curitiba (PR); Porto Alegre (RS); Porto Seguro (BA); Rio de Janeiro-Galeão (RJ); Salvador (BA) e São Paulo-Guarulhos (SP).

Os primeiros dois voos serão operados no dia 29 de junho, sendo que o IPM-001 é de São Paulo a Brasília, com decolagem e pouso às 10h00 e 11h40, respectivamente.

Já o voo de retorno será o IPM-002, de Brasília para São Paulo, com decolagem às 13h40 e pouso às 15h20.

Em nossa pesquisa, tanto no site como através do sistema SIROS da ANAC, encontramos voos para no dia 30 de junho entre o Aeroporto do Guarulhos (SP) e Brasília, Confins, Curitiba, Galeão, Porto Alegre e Salvador.

Nos dias seguintes a ITA adiciona voos entre o Aeroporto de Guarulhos e Porto Seguro. A companhia continuará a operar nas outras cidades regularmente em todos os dias.

As capitais Recife (PE), Maceió (AL), Fortaleza (CE), Florianópolis (SC), Vitória (ES) e Natal (RN) também terão voos da Itapemirim a partir do dia 1 de agosto de 2021. Até junho de 2022, a companhia diz que vai ampliar a sua cobertura e chegar a 35 destinos no Brasil.

Turismo
Reforço de operações a partir do Aeroporto do Galeão (RJ) só ocorre em agosto, onde a companhia planeja operar para mais de 20 destinos nos meses seguintes.

A ideia é que, até o final de 2021, a ITA adicione mais 8 localidades aos seus itinerários e atenda, no total, 17 destinos nacionais. Até 2022 serão 35 destinos nacionais e até internacionais.

Até o fim de 2021 serão mais de 135 rotas propostas pela Itapemirim. Não publicaremos todas as rotas devido ao planejamento da companhia, que pode ser alterado de acordo com a demanda de mercado, e a movimentação das suas concorrentes.

 

Frota da Itapemirim

Foto: Itapemirim

A Itapemirim planeja ter 10 aviões A320 na sua frota na 1ª fase de expansão. Recentemente a empresa registrou na ANAC mais dois aviões Airbus A319, provavelmente pensando em uma operação no Aeroporto Santos Dumont.

A companhia tem no planejamento mais duas fases de expansão, onde planeja chegar a 20 no final deste ano (2021) e 50 aviões da família A320 em 2022.

Todos os Airbus A320 da ITA serão configurado para 162 assentos, proporcionando mais espaço individual para todos os passageiros.

Todo o processo de certificação foi realizado com o primeiro avião da ITA, de matrícula PS-SPJ, que chegou ao Brasil em fevereiro deste ano.

Um segundo avião chegou na frota da companhia no início deste mês. Assim como o primeiro, também já foi utilizado por outra companhia, e está passando por adaptações de pintura e interior em São José dos Campos.

No último mês, a ITA recebeu o Certificado de Operador Aeronáutico (COA) da ANAC, que habilita a aérea a atuar no país. E nesta última quinta-feira (20) a ANAC emitiu a concessão à Itapemirim Transportes Aéreos Ltda. para exploração de serviços de transporte aéreo público regular e não regular de passageiro, carga e mala postal, doméstico e internacional.

 

Confira a programação de início de voos em cada cidade:

  • Belo Horizonte-Confins: 30 de junho de 2021
  • Rio de Janeiro-Galeão: 30 de junho de 2021
  • São Paulo-Guarulhos: 30 de junho de 2021
  • Brasília: 30 de junho de 2021
  • Salvador: 30 de junho de 2021
  • Curitiba: 30 de junho de 2021
  • Porto Alegre: 30 de junho de 2021
  • Porto Seguro: 1 de julho de 2021
  • Recife: 1 de agosto de 2021
  • Maceió: 1 de agosto de 2021
  • Fortaleza: 1 de agosto de 2021
  • Florianópolis: 1 de agosto de 2021
  • Natal: 1 de agosto de 2021
  • Vitória: 1 de setembro de 2021
  • São Luis: 1 de setembro de 2021
  • Aracaju: 1 de setembro de 2021
  • Goiânia: 1 de setembro de 2021
  • Ribeirão Preto: 1 de setembro de 2021
  • Belém: 1 de outubro de 2021
  • Manaus: 1 de novembro de 2021
  • Santarém: 1 de novembro de 2021
  • Foz do Iguaçu: 1 de dezembro de 2021
  • Macapá: 1 de fevereiro de 2022
  • Imperatriz: 1 de abril de 2022
  • Navegantes: 1 de abril de 2022
  • Presidente Prudente: 1 de abril de 2022
  • Uberlândia: 1 de abril de 2022
  • João Pessoa: 2 de abril de 2022
  • Campo Grande: 1 de maio de 2022
  • Palmas: 1 de maio de 2022
  • Cuiabá: 1 de maio de 2022
  • Porto Velho: 1 de maio de 2022
  • São José do Rio Preto: 1 de maio de 2022
  • Teresina: 1 de junho de 2022