Foto – Gabriel Melo

O primeiro Airbus A320 recebido pela TAM Linhas Aéreas e fabricado em 1999, foi retirado nesta semana da frota da companhia.

A aeronave de matrícula PT-MZG (MSN 1143) foi o primeiro A320 que operou no Brasil, quando as companhias aéreas maiores (Varig, Vasp e TransBrasil) ainda optavam 100% pelo Boeing 737 nos voos domésticos.

Desde 2000 esse avião estava em operação pela TAM, e não foi o mais velho da frota, visto que a companhia no meio de sua expansão recebeu aviões usados, como o PT-MZP, fabricado em 1991 (MSN 243) e que operou pela South African Airways, sendo repassado para a TAM em 2001 e aposentado em 2009.

Foto – Gabriel Melo

Esse também não foi o avião mais velho da família A320 que a TAM recebeu. A companhia recebeu o primeiro desta família de aeronaves em 1999, um Airbus A319 de matrícula PT-MZA e número de fabricação 976.

No entanto, o PT-MZG é o primeiro do modelo A320 recebido novo e de fábrica pela TAM, operando nas cores da “vermelha” e agora pela LATAM Brasil. A aposentadoria da aeronave foi confirmada por várias postagens de funcionários da LATAM nas redes sociais.

Os últimos voos da aeronave foram entre São Paulo e Londrina, nesta sexta-feira (28/02), logo depois o avião foi encaminhado para São Carlos, uma base de manutenção da LATAM no interior de São Paulo, já utilizada para estocar temporariamente alguns aviões.

A LATAM Brasil está em um processo de substituir os antigos A320ceo pelos novos A320neo, além de ter aproveitado parte da frota nova da Avianca Brasil, com aviões fabricados após 2010, para substituir seus antigos A320ceo.


Em 2000, o A320 foi a chave para a LATAM aumentar a sua oferta de assentos, e iniciar a substituição do Fokker 100, focando em aumentar o faturamento e oferecer mais conforto e segurança para o passageiro.

 

Fotos por: Gabriel Melo

 

DEIXE UMA RESPOSTA