Latam Brasil Airbus A320neo
Foto: Gabriel Benevides/Aeroflap

A LATAM retomou nesta última sexta-feira, 1º de julho de 2022, voos diretos e diários na rota Rio Branco-Brasília. A nova rota dobra a oferta de voos que conectam a capital acreana com o restante do Brasil e amplia a conectividade do Estado com os demais destinos domésticos e internacionais operados pela companhia.

Esta é a segunda rota da empresa na cidade, que já opera voos entre Rio Branco e São Paulo/Guarulhos, também com frequência diária.

A rota entre Rio Branco e Brasília oferecerá conectividade com 24 destinos do Norte e Nordeste, enquanto os voos que ligam a capital acreana com São Paulo/Guarulhos permitem conexão com mais 18 destinos do Sul e Sudeste. Essas conexões permitem diminuir o tempo de viagens aos passageiros, em média, de 3 a 4 horas dependendo do destino final.

A partir de Rio Branco, os voos decolam todos os dias à 01h35 para Brasília e têm duração de 03h10. No sentido inverso, os voos partem às 21h40, com 03h30 de duração. Todos são operados com aeronaves Airbus A320, que possuem capacidade para até 176 passageiros (8 Premium Economy e 168 Economy).

Para Aline Mafra, diretora de Vendas e Marketing da LATAM Brasil, a retomada de voos é um esforço da companhia para promover as viagens, o turismo e o desenvolvimento local. “Estamos empenhados em ampliar a presença em destinos em que operamos e criar conexões para atender aos desejos de nossos clientes, como uma empresa cada dia mais eficiente”, explica.

Além de oferecer maior conectividade para o transporte de passageiros, a retomada desta segunda rota no Estado também dobra a capacidade de transporte de cargas de/para a região por meio das operações da LATAM Cargo, empresa de logística do Grupo LATAM, que utiliza os porões das aeronaves de passageiros para este fim.

Hoje, a LATAM Brasil está presente em 50 destinos domésticos (eram 44 antes da pandemia de Covid-19) e 19 destinos internacionais (antes eram 26). No decorrer de julho de 2022, serão 54 destinos domésticos e 20 internacionais.

Em junho de 2022, a LATAM retomou 102% da sua capacidade doméstica no Brasil em relação ao mesmo período de 2019 (antes da pandemia).

Já a LATAM Cargo realiza o transporte em aviões cargueiros e no porão de aeronaves de passageiros para até 139 destinos em 22 países, sendo 7 deles exclusivos para o transporte de cargas. No Brasil, atende a 50 destinos.

Ao todo, o Grupo LATAM já conta com 14 aeronaves cargueiras do modelo Boeing 767-300F em sua frota e está avançando no seu projeto global de conversão de 10 Boeing 767 de passageiros em cargueiros até 2023, quando totalizará 21 aeronaves Boeing 767-300F.