Latam Cargo
Foto: LATAM Cargo / Divulgação

A LATAM Cargo, empresa de transporte de cargas do Grupo LATAM, acaba de ampliar em 40% a sua capacidade de transporte em voos entre Recife e São Paulo/Guarulhos no mês de maio de 2022, quando comparado com o mês anterior. Alguns voos dessa rota voltam a ser operados com aeronaves Boeing 767-300, que favorecem o envio de autopeças, eletrônicos e têxteis para diversas regiões do Brasil.

Além disso, a companhia também conta com capacidade cargueira dos porões das aeronaves de passageiros da LATAM da família Airbus A320, que operam voos regulares em Recife de/para Brasília (13 voos semanais), São Paulo/Congonhas (13 voos semanais), Fortaleza (7 voos semanais), Rio de Janeiro/Galeão (7 voos semanais) e São Paulo/Guarulhos (25 voos semanais).

Em abril de 2022, a LATAM Cargo inaugurou a operação da rota cargueira entre Cidade do México e a capital pernambucana, com um voo semanal, operado por aeronave cargueira do modelo Boeing 767-300F, com capacidade para transportar até 55 toneladas por voo. Essa rota também permite conectar o transporte de cargas provenientes do México até Argentina e Chile, por meio da escala no aeroporto de Campinas/Viracopos. Esta operação ajuda na importação de perecíveis, autopeças e produtos de e-commerce, assim como a exportação de atum para os Estados Unidos e a Europa.

Continua depois do anúncio

Atualmente, a LATAM Cargo realiza o transporte em aviões cargueiros e no porão de aeronaves de passageiros para até 139 destinos em 22 países, sendo 7 deles exclusivos para o transporte de cargas. No Brasil, atende a 50 destinos. Ao todo, o Grupo LATAM já conta com 13 aeronaves cargueiras do modelo Boeing 767-300F em sua frota e está avançando no seu projeto global de conversão de 10 Boeing 767 de passageiros em cargueiros até 2023, quando totalizará 21 aeronaves Boeing 767-300F. Cada processo de conversão leva aproximadamente cinco meses.

Líder no mercado

No Brasil, segundo os dados consolidados da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), a LATAM Cargo assumiu em março de 2022 a liderança (21,8% de participação) no transporte internacional de cargas aéreas por meio do somatório da operação de suas subsidiárias LATAM Brasil, LAN Chile, LAN Peru, ABSA e LAN Cargo. No mês, a empresa transportou mais de 19 mil toneladas de cargas.

Continua depois do anúncio

Via: LATAM