LATAM inicia voos de carga Chile-Brasil-Doha em parceria com a Qatar Airways

A LATAM já voou diversas vezes para o Catar, pousando especificamente em Doha, no entanto, esses voos eram operados apenas para a transferência ou manutenção de aeronaves.

Mas agora a LATAM operou um voo realmente comercial para Doha. A companhia utilizou um Boeing 777-300ER para fazer uma operação de carga no último dia 30 de novembro.

O avião de matrícula PT-MUI foi o responsável por operar um voo entre Santiago, no Chile, para Doha, sem antes fazer uma escala em Recife, no Brasil, para reabastecimento.

A companhia utilizou a rapidez de um avião para transportar produtos perecíveis, especificamente cerejas a partir do Chile. Estas foram levadas para países asiáticos através de um voo da Qatar, que decolou de Doha.

A operação foi repetida com a mesma aeronave no último dia 07 de dezembro, também integrando com a frota da Qatar Airways para levar frutas até a China. Cerca de 95 toneladas de carga foram transportadas nos dois voos nessa aeronave, que está adaptada para carga e sem assentos no interior.

Mas estes aviões não voltaram para o Brasil sem carga, eles transportaram eletrônicos chineses de Doha para São Paulo, agilizando a movimentação dessas mercadorias. Nos dois voos de retorno o PT-MUI transportou cerca de 60 toneladas.

Desde o dia 10 de dezembro o avião de matrícula PT-MUI está em São Paulo.


 

Adaptação para transportar carga

O transporte de carga nas aeronaves de passageiros resulta em algumas alterações no interior, algumas para proteger o acabamento e assentos da aeronaves, outras para permitir que a carga vá amarrada no conjunto de assentos.

No início da pandemia de COVID-19 no Brasil, o Grupo LATAM Cargo anunciou a primeira reconfiguração temporária da cabine de um Boeing 777-300ER, da qual foram retiradas as cadeiras dos assentos de passageiros para aumentar sua capacidade de transporte de carga em 20%.

Como é adequado para realizar rotas de longo alcance, a LATAM Cargo optou por modificar esse modelo de aeronave para enfrentar seu novo desafio: operar pontualmente com destino ao continente asiático para o transporte de suprimentos médicos.

Equipes com alto conhecimento técnico da empresa participaram deste complexo projeto, incluindo manutenção, engenharia, operações de voo, manutenção de cabine, DCO, Operações de Carga, entre outras. Após receber a autorização das autoridades competentes, as equipes iniciaram a modificação.

 

Acompanhe ao vivo

PT-MUI – www.flightradar24.com/data/aircraft/pt-mui

 

DEIXE UMA RESPOSTA