Caças húngaros estocados aguardando compradores

O leilão de caças MiG-29 da Hungria terminou sem nenhum sucesso, segundo a Empresa Nacional de Gerenciamento de Propriedade Húngara (MVV).

O valor inicial do leilão para os caças MiGs era de US$ 9,8 milhões. A força aérea húngara comprou esses caças em 1993 da Rússia, e depois de anos de uso os estocou.

Outro fator que pode ter comprometido a venda dos caças foi um acordo que ficou em vigor durante 8 anos (2002-2010), esse acordo só permitia a venda das aeronaves com a autorização da Rússia, que é a fabricante dos MiGs-29.

Ao todo o a Hungria adquiriu 28 unidades do caça, mas nos últimos anos de serviço apenas três estavam em condições de voo, com cerca de 1000 horas disponíveis. Todos os os caças restantes foram aposentados em 2010.

Atualmente a Força Aérea da Hungria opera apenas um modelo de caça, que são as 12 unidades do caça sueco JAS-39C Gripen, da fabricante SAAB.