Clique Aqui e receba as principais Notícias da Aviação em tempo real diretamente no seu Whatsapp ou Telegram.

Lufthansa Airbus A340
Foto: Oliver Roesler - Lufthansa

A Lufthansa está levantando fundos com o objetivo de pagar a ajuda governo alemão durante a pandemia do coronavírus, momento em que a companhia foi obrigada a estagnar boa parte dos seus voos por falta de demanda de passageiros, além das restrições de viagens no mundo todo para conter o avanço do vírus.

A operadora emitirá ações a 3,58 euros e serão oferecidas entre os dias 22 de setembro a 5 de outubro. O negócio será assinado por um sindicato de 14 bancos com o apoio de fundos controlados pela Blackrock Inc, a intenção é levantar um fundo de 2,14 € bilhões.

Após o início da pandemia, o governo alemão concordou em oferecer um auxílio financeiro de 9 bilhões de euros para conter as perdas e garantir os salários dos funcionários da Lufthansa, mas para isso, a companhia concordou com as condições restritivas impostas pela Comissão Europeia para o andamento do negócio, o que incluía a proibição de dividendos, além de um bônus em qualquer compra de participação em mais de 10% em companhias aéreas rivais.

Com o socorro estatal, o governo alemão chegou a ter 20% de participação na Lufthansa, fatia que está encolhendo gradualmente desde agosto, quando passou para 15,9%.

DEIXE UMA RESPOSTA