Lufthansa vai queimar mais caixa para manter operações de voos

Lufthansa
Airbus A320neo da Lufthansa. Foto - Lufthansa

Nesta quinta-feira (05/11) a Lufthansa lançou um aviso aos investidores, relatando que haverá algumas mudanças financeiras, em relação à estimativa anterior da aérea. A liquidez total no momento é de 10,1 bilhões de euros.

O Grupo Lufthansa planeja queimar mais caixa no 4º trimestre desse ano, devido às medidas de reestruturação, e a nova onda de COVID-19 na Europa, que segurou a recuperação da demanda no continente, bem como dos voos internacionais.

A Lufthansa espera um leve aumento no número de passageiros transportados neste trimestre, em comparação com o 3T20. Porém, o tráfego aéreo ainda deve ser reduzido em 75% na comparação direta com o mesmo período de 2019.

A retomada, tanto da parte financeira como da demanda por viagens, só deve ser reestabelecida quase totalmente em meados de 2021, de acordo com a Lufthansa.

Novamente a companhia deverá sofrer um prejuízo financeiro neste trimestre, após registrar um prejuízo líquido de 2 bilhões de euros no 3º trimestre.

Espera-se uma receita de aproximadamente 3 bilhões de euros no 4º trimestre de 2020 no Grupo Lufthansa, ante um resultado acima de 10 bilhões de euros no mesmo período de 2019.

 

DEIXE UMA RESPOSTA