PHM Atrântico zarpando do Rio de Janeiro rumo ao nordeste brasileiro- Foto: MB
Porta-Helicópteros Multipropósito (PHM) “Atlântico”, o Navio Doca Multipropósito “Bahia”, o Navio de Desembarque de Carros de Combate “Almirante Saboia”, as fragatas “União”, “Constituição” e “Liberal”, o Navio-Tanque “Gastão Motta” e a Corveta “Júlio de Noronha” suspenderam (zarparam), no último dia 9 do Rio de Janeiro, rumo ao Nordeste do País, dando início à Operação “Aspirantex 2020”, que integra a 3ª frase da Operação “Amazônia Azul – Mar Limpo é Vida!”.
 
Durante a operação, outros meios navais, aeronaves e de fuzileiros navais também serão empregados, além das aeronaves “Orion” e “Bandeirante Patrulha”, da Força Aérea Brasileira.
 
A Aspirantex visa familiarizar os Aspirantes com a vida no mar, por meio de exercícios navais, e orientar os que estão no 2º ano na escolha do Corpo e da área de habilitação. “Quero aproveitar para tirar o maior número de dúvidas, pois trabalharei com isso a vida toda. Pretendo fazer a melhor escolha possível para a minha carreira”, disse o Aspirante do 2° ano, Hakin. Nesta edição, 244 Aspirantes do primeiro, segundo e terceiro ano da Escola Naval estão distribuídos pelos navios participantes. Ao todo, cerca de 2.900 militares participam da “Aspirantex 2020”.
Marinheiros do PHM Atlântico se preparam para suspender- Foto: MB
Também estão entre os propósitos da operação, ações de presença nas Águas Jurisdicionais Brasileiras, apoio aos comandos distritais dos portos visitados e aos coordenadores operacionais regionais na execução de ações de resposta a incidentes de poluição por óleo, no decorrer da 3ª fase da Operação “Amazônia Azul – Mar Limpo é Vida!”. “A Aspirantex acontece na mesma área onde houve a crise ambiental de contaminação por óleo, que começou no ano passado e, durante essa operação, atuaremos também no monitoramento dessa situação”, afirmou o Comandante em Chefe da Esquadra, Vice-Almirante Mello.
 
A operação abrangerá a área marítima compreendida entre os estados do Rio de Janeiro e Pará. Durante esse período, serão visitados os portos de Vitória-ES, Salvador-BA, Maceió-AL, Recife-PE, Cabedelo-PB, Natal-RN, Fortaleza-CE e Belém-PA. A Aspirantex será composta por três fases de mar e duas de porto.
 
A primeira fase, iniciada ontem, encerra-se com a atracação dos navios nos portos de Fortaleza, Maceió, Cabedelo, Natal e Recife, no dia 16 deste mês.
 

DEIXE UMA RESPOSTA