A Nella Airlines possivelmente divulgou neste fim de semana mais uma empreitada da empresa: A aquisição da aérea argentina Andes.

A empresa já havia adquirido anteriormente a empresa boliviana Amaszonas e a venezuelana Albatros Airlines. Com a possível nova aquisição, ainda não divulgada pela empresa oficialmente, a Nella terá participação em mais uma empresa latino-americana.

Curiosamente a Andes utiliza quatro aviões da série MD, fabricados pela McDonnell Douglas, assim como a Albatros Airlines. Já a Amaszonas utiliza aeronaves Embraer E-Jet.

Em crise pelo menos desde 2019, a Andes já ameaçou ser uma das maiores aéreas da Argentina, contudo, desde então reduziu a sua frota e acumula uma dívida de pelo menos US$ 25 milhões, de acordo com o site Aviacion Online.

Nella Amaszonas Bolívia

A Nella também está estudando atualmente a fundação de uma companhia aérea no Paraguai, e a certificação no Brasil ainda está no início. Já para a Amaszonas, há uma promessa de expansão das suas operações para o Chile, Paraguai e Uruguai.

O processo de certificação da aérea no Brasil foi iniciado pela companhia em meados de junho, em uma reunião do diretor de operações, John Long, com representantes da ANAC, e a entrega dos manuais para a avaliação foi realizada no dia 02 de julho. A empresa estima investir a quantia de US$ 350 milhões no Brasil, e inclusive, operar com aviões raros por aqui como o Bombardier Dash-8.