Nella quer iniciar operações com carga e passageiros ainda neste ano

Nella Airlines

Recentemente aqui no Brasil estamos acompanhando várias companhias aéreas que estão surgindo no mercado, seja de passageiros ou de carga. A Nella Airlines é uma dessas empresas, ela pretende iniciar as suas operações em 2021, mas desde o último plano de negócios apresentado pela Aeroflap, a empresa mudou um pouco o seu rumo.

Além de ter foco em voos regionais, utilizando aviões turboélice ATR 72, a Nella também quer entrar no mercado doméstico de carga no Brasil.

De acordo com a empresa, em entrevista ao site Cargo Facts, as operações serão iniciadas primeiramente do lado cargueiro, utilizando um Boeing 737-400F.

O Boeing 737 Classic já é bastante utilizado para o transporte de carga aqui no Brasil. A aeronave é a principal na frota da Sideral, da Azul Cargo e da Modern Logistics. Agora a Total Cargo também selecionou o 737F para atualizar a sua frota.

A Nella planeja voar com o cargueiro em regime de fretamento interno de São Paulo (GRU) para Belo Horizonte (CNF) e Manaus (MAO), pelo menos inicialmente.

Ainda não há mais dados sobre se a Nella planeja alugar ou comprar o primeiro 737-400F. Os candidatos são aviões Boeing 737F que anteriormente operavam na Connect Cargo (brasileira), que estão estocados em Luxemburgo após a retomada por parte da Vallair.

 

Operações regionais

Maurício Souza afirmou em novembro que a Nella deve operar, inicialmente, nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste com aviões ATR 72-600 muito utilizados para pouso e decolagem em aeroportos menores. As aeronaves possuem capacidade para transportar até 72 passageiros em voos regionais.


A Nella terá, a princípio, o centro de operações no Aeroporto Internacional de Brasília e o centro administrativo no aeroporto Campo de Marte, em São Paulo.

O processo de conseguir autorização para realizar voos regulares pode durar vários meses, até que a empresa esteja apta a lançar o primeiro voo, mas a previsão é de que isso aconteça ainda no primeiro semestre de 2021, segundo anúncio da Nella Linhas Aéreas.

Recentemente os executivos da Nella se encontraram com representantes da ANAC novamente, de acordo com a publicação acima realizada pela companhia aérea em seu LinkedIn.

 

Investimento 

A Nella obteve recentemente uma injeção de capital de aproximadamente US$ 97 milhões de sua controladora com sede nos Estados Unidos – JKL Holdings, com sede em Orlando – e é a primeira companhia aérea brasileira a ser totalmente estrangeira depois que o governo levantou o limite de 20% de investimento estrangeiro em junho de 2019, de acordo com para relatórios locais.

As vagas para novos funcionários da Nella serão publicadas nos perfis da AirTalent nas redes sociais. Acompanhe Clicando Aqui.

 

DEIXE UMA RESPOSTA