Northrop Grumman anuncia chegada do satélite Galaxy 30 ao centro de lançamento na Guiana Francesa

Stélite Galaxy 30- Foto: Northrop Grumman

A Northrop Grumman Corporation anunciou hoje a chegada do satélite Galaxy 30 (G-30) construída pela empresa para a Intelsat e o veículo de extensão de missão 2 (MEV-2) no local de lançamento em Kourou, Guiana Francesa. Os veículos estão programados para serem lançados no final de julho de 2020, em uma configuração empilhada a bordo de um foguete Ariane 5.

“Esses satélites são excelentes exemplos de nossa liderança e inovação estabelecidas no setor”, disse Frank DeMauro, vice-presidente e gerente geral de sistemas espaciais táticos da Northrop Grumman. “A espaçonave (satélite) Galaxy 30 preencherá uma necessidade crítica da Intelsat, enquanto nosso segundo MEV fornecerá serviços de extensão de vida que mudam o jogo e continuará a definir um novo mercado”.

O Galaxy 30 (G-30) é o 11º satélite construído pela Northrop Grumman comprado pela Intelsat e o primeiro em seu programa de substituição de frota Galaxy, dedicado a serviços de distribuição e transmissão de vídeo. O G-30 carrega uma carga útil da banda C e será parte integrante do plano de transição do espectro da banda C dos EUA em que a Intelsat está colaborando com a Federal Communications Commission. Além disso, o G-30 inclui cargas úteis das bandas Ku e Ka para dar suporte a aplicativos de banda larga, bem como a carga útil hospedada no sistema Wide Augmentation System (WAAS) para a Federal Aviation Administration. O G-30 é baseado na plataforma GEOStar-2, comprovada por voo da Northrop Grumman.

Stélite Galaxy 30- Foto: Northrop Grumman

A Intelsat também selecionou recentemente a Northrop Grumman para construir dois satélites de banda C , que são os 12º e 13º comprados da empresa.

O Mission Extension Vehicle é o primeiro veículo de serviço via satélite do setor, projetado para atracar com satélites geoestacionários cujo combustível quase esgotou. Uma vez acoplado, o MEV usa seus próprios propulsores e suprimento de combustível para controlar a órbita do satélite do cliente. Quando o cliente não deseja mais o serviço da MEV, ele desencaixa e passa para o veículo de um novo cliente.

O primeiro veículo de extensão de missão da empresa, MEV-1, foi lançado em 9 de outubro de 2019 e concluiu sua atracação histórica com a espaçonave Intelsat 901 em 25 de fevereiro de 2020. Isso marcou a primeira vez que dois satélites comerciais foram acoplados em órbita. O IS-901 retomou os serviços de comunicação em 2 de abril de 2020.

O MEV-2 atracará no Intelsat 1002 (IS-1002) no início de 2021. O MEV-2 é o segundo veículo de extensão de missão fornecido pela Space Logistics LLC, uma subsidiária integral da Northrop Grumman.


 

Fonte: Northrop Grumman

DEIXE UMA RESPOSTA