Foguete Antares equipado com a nave de carga Cygnus- Foto: Northrop Grumman

A Northrop Grumman Corporation está pronta para lançar a 15ª missão de reabastecimento ( NG-15 ) da empresa para a Estação Espacial Internacional sob o contrato Commercial Resupply Service-2 da NASA. A nave espacial Cygnus da missão NG-15 será lançada a bordo do foguete Antares da empresa com quase 8.000 libras de pesquisa científica, suprimentos e hardware para a tripulação a bordo da estação.

O lançamento do foguete Antares está agendada para 20 de fevereiro às 12h36 EST do espaçoporto regional Mid-Atlantic Pad 0A em Wallops Island, nas instalações de vôo Wallops da NASA. A cobertura ao vivo do lançamento de Antares estará disponível na NASA Television em http://www.nasa.gov/live .  

A Northrop Grumman nomeia cada espaçonave Cygnus em homenagem a indivíduos que fizeram contribuições substanciais ao programa espacial comercial dos Estados Unidos e aos voos espaciais humanos. A missão NG-15 homenageia Katherine Johnson, uma matemática da NASA e mulher negra que não apenas rompeu barreiras de gênero e raça, mas entregou cálculos que foram críticos para o sucesso de numerosas missões de voos espaciais humanos.

Espaçonave Cygnus- Foto: @ivan_mks63

O “SS Katherine Johnson” permanecerá conectado à estação espacial por aproximadamente três meses antes de partir com até 8.200 libras (aproximadamente 3.720 kg) de carga de descarte.

Durante a missão NG-15, Cygnus atuará mais uma vez como uma plataforma científica em órbita baixa da Terra para uma variedade de clientes. Depois de sair da estação, a espaçonave implantará uma série de CubeSats por meio de um implantador Slingshot e um implantador Nanoracks, incluindo Dhabisat, o segundo CubeSat desenvolvido pela Universidade Khalifa em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos. O Dhabisat foi desenvolvido como parte da Concentração de Sistemas e Tecnologia Espacial da Khalifa, um programa conjunto estabelecido em 2015 em colaboração com a operadora de satélites dos Emirados Árabes Unidos Al Yah Satellite Communications Company (Yahsat) e Northrop Grumman.

Para esta missão, a Antares também carrega 30 cargas secundárias chamadas ThinSats. O programa ThinSats é um programa de divulgação de ciência, tecnologia, engenharia e matemática (STEM) patrocinado pela Virginia Commercial Space Flight Authority para as séries 4 a 12. Esses satélites foram construídos por alunos de 70 escolas localizadas em 9 estados (Arizona, Connecticut, Flórida, Kentucky, Maryland, Carolina do Norte, Carolina do Sul, Virgínia e Virgínia Ocidental).

 

Fonte: Northrop Grumman